2016/11/21

Notícias do dia

A Tesla mostrou-nos como os seus automóveis vêem a estrada para conduzirem sozinhos; a Google desafia-nos a fazer desenhos que a sua inteligência artificial tenta reconhecer; Elon Musk continua empenhado em criar uma rede de internet gigabit por satélite; temos uma nova mini-série da National Geographic que leva até Marte; e ainda o alerta de que usar o telefone como factor de identificação poderá não ser tão seguro quanto se pensa.

Antes passarmos às notícias do dia, não se esqueçam da última pergunta que te poderá valer a mini-câmara para o automóvel que temos para oferecer.


Testes de lentes de contacto inteligentes adiados para "data a anunciar"



Quem estivesse à espera das lentes de contacto auto-focus que prometiam deixar ver bem a qualquer distância, continuará a ter que esperar. Inicialmente estava previsto que os testes começassem já este ano, mas a Novartis, que está a desenvolver as lentes em parceria com a Google, veio agora dizer que ainda não fazem ideia de quando é que se poderão dar início aos testes.

... Por outro lado, dizem que os desenvolvimentos feitos têm estado a seguir a bom ritmo... (mas não um ritmo que permita avançar com uma data concreta.)


Amazon WorkSpaces com acesso Web dá-te um PC virtual no browser



Para muitas pessoas a web chega para (quase) tudo, mas há momentos em que ainda se pode precisar de um computador para correr todo o tipo de programas - mas... e se também isso fosse possível de fazer na web? A Amazon tem um novo acesso web aos seus WorkSpaces, deixando que o acesso a estas máquinas virtuais possa ser feito a partir de qualquer browser.

E não se pense que estamos a falar de máquinas modestas, pois temos a possibilidade de aceder a máquinas até com GPUs Nvidia, permitindo correr apps de modelação 3D e tudo o mais... a partir do browser e em qualquer lado que se esteja - até mesmo a partir de um tablet ou smartphone.


Signal remodela os safety numbers para mais fácil utilização



Facilitar o acesso a comunicações seguras tem sido a missão do Signal, mas nem sempre é fácil compatibilizar a complexidade da encriptação e segurança com a facilidade de utilização. Para tentar evitar deslizes (muitas vezes feitos por desconhecimento) a app passa a contar com um novo processo de verificação da segurança das comunicações.

Em vez de uns crípticos blocos de números hexadecimais que poderiam baralhar alguns utilizadores opta-se agora por usar um conjunto mais reduzido de 12 blocos de 5 algarismos. E nos caso em que se reinstala a app (quando se troca de smartphone por exemplo) também será possível continuar a falar com os contactos já existentes.


Nos bastidores do processo de criação do Daydream View VR


A Google tem feito uma grande aposta no VR (ou não fossem eles a ter promovido os óculos VR em cartão que, para muitas pessoas, permitiu a entrada no mundo VR pela primeira vez) - e a nova aposta é o Daydream VR que pretende elevar essa experiência a outro nível.

O processo de criação dos óculos Daydream VR não foi fácil, e é curioso ver que durante esse desenvolvimento muitas coisas mais "tecnológicas" ficaram pelo caminho, substituídas por coisas mais simples e práticas - sendo por isso que o sistema de fecho dos óculos usa um simples elástico, em vez de um sistema magnético.





Curtas do dia


Resumo da madrugada




Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]