2017/01/30

Notícias do dia

Empresas tecnológicas unem-se contra fecho das fronteiras nos EUA; Word Lens do Google Translate já funciona com japonês; nova promoção deixa o Lenovo ZUK Z2 a €156; o jogo The Founder deixa-te criar a tua startup simulada na web; motor de combustão interna transparente filmado a alta-velocidade; e a Giganews ganha caso contra Perfect 10 e leva este patent troll à falência.

Antes de passarmos às notícias do dia, ainda vão a tempo de participarem no passatempo que vos pode valer uma fita LED RGB, e amanhã chega novo gadget para novo passatempo semanal.

Músicas do Outrun e outros jogos da SEGA chegam ao Spotify



Ainda têm gravadas na memória músicas de jogos como OutRun, Virtua Fighter, Sonic the Hedgehog ou Golden Axe? Pois bem, agora poderão revivê-las no Spotify, garantidamente fazendo renascer muitas memórias das (muitas) horas passadas a jogar esses jogos em décadas há muito passadas.

O canal de músicas da SEGA no Spotify está repleto de clássicos, mas obviamente que o destaque vai para OutRun, que já na altura nos deixava seleccionar entre várias músicas possíveis enquanto corríamos a velocidade alucinante num fantástico Ferrari Testarossa descapotável. :)





Morreu Masaya Nakamura - fundador da Namco e o "pai" do Pac-man



Ainda em notícias relacionadas com as máquinas arcade mas, infelizmente, menos agradáveis, morreu Masaya Nakamura, um senhor que teve papel decisivo no desenvolvimento dos videojogos na década de 80. A sua empresa começou por fabricar máquinas de diversões para crianças (do mesmo estilo daquelas que ainda hoje se podem encontrar nos centro-comerciais, de meter moedas) mas soube posicionar-se para aproveitar a revolução das máquinas de jogos electrónicas que estava a chegar - não deixando de ter passado pelas máquinas de jogos electromecânicas.

A Namco viria a tornar-se numa das empresas de referência no mundo dos videojogos e máquinas arcade, e o seu Pac-man viria a ser apenas um dos muitos sucessos que transcendem gerações.

Na foto: da esquerda para a direita: Kyushiro Takagi (VP da Namco), Masaya Nakamura (fundador), Takeo Takasu (Presidente da Namco).


Óculos electrónicos com auto-focus querem acabar com as lentes fixas



Usar lentes bi-focais ou de focagem progressiva poderá tornar-se uma coisa do passado, caso a tecnologia destes óculos inteligentes com auto-focus seja condensada para um formato mais compacto (e o seu preço seja interessante).

Estes óculos contam com um sensor que mede a distância para os objectos, e um sistema com glicerina que permite deformar a "lente" de modo a que se foque precisamente no ponto pretendido. Para o utilizador, significa que poderá ver sempre tudo focado, quer esteja a olhar para o smartphone ou ler um livro, ou a olhar para a paisagem ou a conduzir.

... Por outro lado... não se esqueçam de recarregar os óculos, ou arriscam-se a ver bastante mal... :)


Investigadores suiços mostram cooperação entre automóveis


Estaremos a muitas décadas de distância de um mundo onde só circulem veículos autónomos, e investigadores suiços mostram-nos como é possível criar sistemas de gestão de veículos em grupo, tanto com automóveis autónomos como com condutores humanos; em que os veículos comunicam entre si para melhor se adaptarem às condições na estrada.

Coisas como ultrapassagens, contornar obstáculos nas estradas, podem ser feitas de forma eficiente e sem causar alterações no fluxo do trânsito.





Curtas do dia


Resumo da madrugada




Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]