2017/09/13

Notícias do dia

O dia de hoje é dominado pelo lançamento do iPhone X e iPhone 8 e dos seus preços em Portugal; assim como o Apple Watch 3 com LTE e nova Apple TV 4K com HDR; quanto ao iOS 11 chega a 19 de Setembro; hoje temos também uma irresistível promoção de módulos Sonoff a €4; e ainda a perspectiva de que os automóveis eléctricos poderão dominar o mercado mais cedo do que se pensa.

Antes de passarmos às notícias de hoje, relembro que já arrancou novo passatempo semanal, que desta vez te pode valer uma extensão de tomadas múltiplas da Xiaomi com portas USB.

iTunes perde App Store e ringtones



Em tempos o núcleo central (e obrigatório) de todos os equipamentos Apple, o iTunes tem vindo a perder protagonismo, e agora leva nova "machadada" perdendo o acesso à App Store e Ringtones e focando-se apenas nos conteúdos (música, filmes, TV, podcasts, audiobooks).

Descansem os que quiserem manter os seus ringtones personalizados, pois isso continua a poder ser feito manualmente através do iTunes, ou dispensando o iTunes e sendo feito directamente no iPhone, através do Garage Band por exemplo.


Samsung prepara smartphone com ecrã dobrável para 2018



A Samsung ainda está em plena fase de lançamento do Galaxy Note 8, que tem tido uma excelente recepção no mercado, mas já vai prometendo que no próximo ano teremos um novo membro da família Note que será o primeiro smartphone com ecrã dobrável.

Há vários anos que a Samsung nos tem mostrado ecrãs dobráveis como protótipos, e que tem intenção de os fazer chegar ao mercado. O problema é que isso tem que ser feito numa altura em que a tecnologia já tenha amadurecido ao ponto de a tornar utilizável no dia a dia (e não se avariar ao fim de uma semana ou mês de uso normal). Parece que se está a chegar a esse ponto, mas a Samsung também refere essas dificuldades e diz que o seu objectivo de lançar este smartphone dobrável em 2018 poderá ser adiado se não tiver ficado tudo resolvido.


Campanha "Public Money? Public Code!" luta por software público livre

Fará sentido que software desenvolvido com dinheiros públicos possa manter-se fechado e obrigar a manutenções dispendiosas ou conter vulnerabilidades difíceis de serem averiguadas? A campanha "Public Money? Public Code!" apelam à criação de legislação europeia que obrigue que todo o software desenvolvido para o sector público e financiado por dinheiros públicos seja obrigatoriamente disponibilizado como software livre e open-source.

Em Portugal são já várias as associações que se juntaram a esta iniciativa, como a Associação Ensino Livre (AEL), Associação Nacional para o Software Livre (ANSOL), e Associação D3 - Defesa dos Direitos Digitais. E todos os interessados estão convidados a juntarem o seu nome a este pedido.


Apple ganha acesso a filmes em 4K... excepto da Disney



Embora o dia esteja a ser dominado pelo iPhone X, a Apple também anunciou a chegada da Apple TV 4K, e com isso chegam também os filmes 4K à App Store para compra e streaming. A Apple conseguiu fazer com que o preço dos filmes 4K (máximo de $19.99) não fosse inflacionado face aos Full HD, e fez acordos com todos os grandes estúdios e distribuidores de Hollywood... excepto a Disney.

Não se pode dizer que seja uma surpresa. A Disney também vai retirar os conteúdos do Netflix, dizendo que pretende apostar na sua própria plataforma de streaming que ficará pronta lá para 2019.
... Não me parece que seja o caminho mais adequado (a não ser que o seu objectivo seja incentivar e perpetuar a pirataria)... mas eles lá sabem. Entretanto, continuamos sem poder ver Star Wars em 4K nas plataformas de streaming, como se gostaria de fazer...


Curtas do dia


Resumo da madrugada

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]