2014/11/02

Google Copresence quer ser resposta ao AirDrop da Apple


Quem pensa que o sistema de transferência de dados entre dispositivos Android com o Android Beam é simples e prático de usar, poderá ficar um pouco surpreendido ao ver o AirDrop da Apple em funcionamento - mas o Google está atento, e parece ter uma resposta já preparada para chegar em breve: o Copresence.

A ideia destes sistemas é simplificar a partilha de dados entre dispositivos sem que se tenha que recorrer ao arcaico "depois envia-me isso por email" quando queremos partilhar um contacto, uma foto, música, ou outros conteúdos. Na teoria, o Android Beam parece ser uma boa ideia, bastando tocar com um equipamento no outro (desde que tenham NFC) - só que na prática, quase nunca funciona de forma tão simples e imediata quanto se desejaria (como já pôde ser comprovado muitas vezes durante os nossos meetings mensais.)



Comparativamente, no iOS temos o AirDrop, e o seu funcionamento é bastante mais apelativo e funcional. Ao escolhermos a informação a partilhar (fotos, vídeos, endereços web, localização, etc.) aparece automaticamente uma lista de equipamentos que estão por perto, basta seleccionar o destinatário e já está: mesmo que essa pessoa esteja a 4 ou 5 metros de distância, sem necessidade de andar a "tocar" com um aparelho no outro. (E sim, o destinatário tem que confirmar que quer receber esses conteúdos; e sim, também pode seleccionar se quer estar visível para todos, só para os contactos... ou invisível - para não se arriscar a levar com "spam" de um partilhador mais activo.)


Este novo Copresence do Google parece ser uma resposta ao AirDrop, e que para além de expandir as funcionalidades já conhecidas do Android Beam, trará também uma funcionalidade que será muito apreciada, que é o facto de ser multiplataforma. Isto faz antever que se possa usar o Copresence não só para transferir conteúdos entre dispositivos Android, mas também entre Androids e Windows, Chrome OS, e - quem sabe - até dispositivos iOS.

A mim, parece-me uma excelente aposta o Google optar por disponibilizar os seus serviços "para todos" em vez de os fechar na sua própria plataforma. Quantos utilizadores a Apple não perderá em coisas como o seu Facetime, por só trabalharem na sua plataforma, fazendo com que os utilizadores optem pelos Hangouts ou outras apps, para poderem falar com os seus amigos que tenham Androids?

... Mas, o tempo lá dirá qual das filosofias funciona melhor. E por agora, venha de lá este Copresence para facilitar a transferência de dados a todos.

4 comentários:

  1. Utilizo bastante o PushBullet; estou curioso se este produto Google vai superar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confere! Pushbullet funciona às mil maravilhas e ainda tem a vantagem de poder ser usado em várias aplicações como sickbeard, couchpotato, etc.

      Eliminar
  2. Não sei se pertence à mesma categoria, mas uso tb o wihi file transfer.

    ResponderEliminar

[pub]