2014/06/17

Pen Sony MicroVault 2-em-1 [Contacto]

As curiosas pens USB 2-em-1, com ficha micro-USB para smartphones e tablets são um produto que tem suscitado bastante curiosidade. O Luis Costa esteve a ver que tal a Sony MicroVault se comporta e conta-nos o que descobriu.


Como prometido, voltamos a abordar a questão do armazenamento nos equipamentos móveis. Já se sabe, este último, a par da bateria, são duas das maiores limitações que encontramos nos smartphones e tablets.
A Sony MicroVault (2 em 1), é uma proposta numa gama de produtos que parece estar a recolher a atenção por parte de várias marcas.

A Sony MicroVault está disponível em dois modelos, 16 e 32GB, ambos USB 2.0, e em três cores, preto, branco e violeta, com preços recomendados de €22 e €37 respectivamente.

Como se pode verificar pelas imagens em baixo, trata-se de um acessório de reduzidas dimensões. Tem uma ficha USB "normal" numa das extremidades, e na outra, coberta por uma tampa, a ficha microUSB para ligar aos equipamentos móveis.


A tampa está presa por um pequeno filamento de plástico, semirígido, o qual garante que não se perca com facilidade.


O facto de se tratar de um material que apresenta alguma resistência à flexão dificulta o processo de ligação aos equipamentos móveis. É necessário remover a tampa, segurá-la numa posição que não impossibilite a ligação ao equipamento, e só depois sim é que se pode ligar. É tão "complicado" como tentar visualizar o que acabaram de ler :).
Uma vez ligada, permite que se pouse o equipamento sobre uma superfície plana, pois a sua espessura acaba por ser menor que a da grande maioria dos equipamentos a que se vá ligar.


Nos testes realizados foram utilizados dois smartphones, o também Sony Z1 Compact e o Huawei P6.


 Sony Z1 Compact vs Huawei P6

No Android foi utilizada a aplicação A1 SD Bench, a qual tem a particularidade de permitir escolher uma pasta (caminho) para testar. Este facto é bastante útil para os casos em que a pen não apareça listada como armazenamento USB.
Os resultados no Sony Compact foram superiores aos obtidos no P6, principalmente no que à velocidade de leitura diz respeito.

Nos gráficos são apresentados os valores obtidos com o P6 pela simples razão que foi este equipamento que foi utilizado para os testes de outra pen a apresentar em breve.

Esta pen USB da Sony conseguiu melhores resultados que os cartões SD 10X utilizados no mini leitor USB. No caso dos testes no Android, a diferença obtida situou-se nos 2MB/s. No PC, a menor diferença já é bem considerável, chegando quase aos 5MB/s.

Para os teste de escrita, foi utilizada a mesma app Android e um simples teste de cópia de um ficheiro com 1,4GB no Windows 8.



No teste de escrita, o cartão SD 10X 16GB ganha com larga margem, especialmente na cópia de ficheiro nos Windows. Os resultados obtidos pela pen, não sendo fantásticos, também não envergonham, pois quase que duplica os valores obtidos pelo cartão de 32GB.



Em termos de performance global ,os resultados obtidos estão na média, ou até mesmo a cima do que a grande maioria das pen USB 2.0 conseguem obter.
Para poderem utilizar esta pen no vosso smartphone apenas têm de se certificar que o vosso equipamento é compatível. Pode dar-se um de dois casos: o smartphone/tablet "monta" a pen automaticamente, ou em alternativa permite que se utilize uma aplicação que faça esta operação manualmente.

Se tiverem root, podem utilizar o StickMount do consagrado Chainfire. Caso não tenham, podem utilizar o Nexus Media Importer, com uma limitação: apenas permite a leitura de ficheiros.

Resumindo, se o vosso smartphone/tablet for compatível, têm nesta pen uma forma simples e expedita de contornar as limitações de armazenamento que afectam muitos do equipamentos que utilizamos no dia a dia.



Imagens relativas aos testes realizados

HD Tune

Pen Sony, SD 16GB, SD 32GB


SD 16GB, SD 32GB


Cópia 1,4GB em Windows


Pen Sony, SD 16GB, SD 32GB

3 comentários:

  1. O link do StickMount também vai para a página do Nexus Media Importer...

    ResponderEliminar
  2. Gostaria de dizer que comprei 3 pens Kingston desse tipo. 8 GB a 9 euros. !6 GB a 12.90 euros e de 32 GB a 21 euros. Portanto mais uma vez se prova que a Sony vende mais caro que todas as outras marcas. Paga-se mais pela marca, que por os produtos Sony. Além de que a Sony faz uma chantagem na maioria dos aparelhos: obriga os clientes a comprar sómente produtos seus, visto as entradas de cartões e afins, apenas suportarem produtos Sony. Veja-se por exemplo a Samsung e outras marcas, onde se pode usar qualquer cartão ou outros periféricos. E a Sony perde muitos clientes com tal chantagem. Eu sou um deles.

    ResponderEliminar

[pub]