2019/11/11

Falha do Galileo revela labirinto burocrático de problemas


A falha do sistema Europeu de localização por satélites Galileo em Julho ainda está por explicar devidamente, mas as coisas que se vão descobrindo revelam um cenário de terror, dominado pela burocracia e falta de comunicação.


Earphones BT Haylou GT1 Pro a €18


Se mudaram para um smartphone que já não vem com ficha de headphones e estão a precisar de uns earphones Bluetooth, felizmente já não é necessário gastar uma fortuna, como comprovam estes Xiaomi Haylou GT1 Pro com Bluetooth 5.0 por 18 euros.


Xiaomi Mi WiFi Router 4C a €12


Se estão a precisar de melhorar a rede WiFi em casa e não querem gastar muito dinheiro, o Mi WiFi router 4C da Xiaomi pode ser vosso por pouco mais de 10 euros.


Notícias do dia

CNPD diz que câmaras nos automóveis são ilegais; Netflix vai combater partilha de passwords; como funciona a imunidade de grupo; vídeo mostra como seria iOS 14 ideal; Apple TV+ com o melhor bitrate dos serviços de streaming; como o Autopilot da Tesla lida com cones, noite e visibilidade reduzida (e o impacto das jantes no consumo do Model 3); o impressionante Spleeter que separa vozes e instrumentos nas músicas via AI; e ainda as conclusões do atropelamento mortal do carro autónomo da Uber, que revelou programação bastante deficiente.

Antes de passarmos às notícias de hoje, estamos no último dia do gadget da semana que está a dar um relógio e-Ink da Xiami; amanhã chega novo passatempo com novo gadget.

Google Assistant compacto chega a mais utilizadores




Umidigi Power 3 a €138


A Umidigi aproveitou o período de campanha 11/11 para lançar o seu smartphone Power 3 a preço mais reduzido, deixando este modelo equipado com bateria de 6150mAh a 138 euros.


CNPD diz que câmaras nos automóveis são ilegais


A CNPD (Comissão Nacional de Protecção de Dados) veio confirmar o que se temia, e que a utilização de câmaras nos automóveis - as populares "dash cams" - é ilegal segundo a legislação actual.


Google vai fazer desconto de $200 nos Pixel 4


Parece que a Google vai manter a tradição de angustiar todos os que compraram o seu mais recente smartphone (Pixel 4) no lançamento, fazendo uma redução de preço significativa para a época de descontos que se aproxima.