2016/01/19

Elliptic Labs quer usar ultra-sons para detectar proximidade nos smartphones


Os nossos smartphones estão repletos de sensores, alguns dos quais passam quase despercebidos, como é o caso do sensor de proximidade que a Elliptic Labs quer fazer desaparecer, trocando-o por ultra-sons usando o microfone e colunas já existentes.

O sensor de proximidade dos smartphones pode passar despercebido, mas é indispensável para fazer coisas como detectar quando encostamos o smartphone à orelha durante uma chamada, de modo a desligar o ecrã e evitar que o toque com a pele comece a fazer disparar acções como desligar a chamada. Na grande maioria dos casos, este sensor utiliza um sistema de LEDs infra-vermelhos, mas a Elliptic Labs quer fazer desaparecer esse componente e usar algo que já existe nos smartphones para conseguir o mesmo efeito: o microfone e colunas.

A ideia de usar um sistema de ultra-sons para detectar a proximidade não é nova - sendo que grande parte dos sensores de proximidade usados noutros produtos (como os sensores de estacionamento nos automóveis) usa este mesmo sistema - mas a Elliptic Labs espera que a perspectiva de usar o microfone e colunas já existentes num smartphone (e portanto sem custo acrescido em componentes) possa convencer os fabricantes a adoptar esta tecnologia.

A grande questão é saber se o custo a pagar pela sua tecnologia será realmente compensadora face a retirar um componente já standard, de baixo custo, e volume reduzido. (Se bem que, para quem estiver a trabalhar na criação de um smartphone cuja área frontal seja 100% ecrã, este sistema permitirá dispensar o espaço ocupado pelo sensor. :)


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]