2016/02/12

NOS perde Porto Canal e fica sujeita a rescisões por justa causa


Conflitos entre a MEO e NOS levaram à perda do Porto Canal no serviço da NOS, e a Deco diz que isso é suficiente para que os clientes possam rescindir o contrato sem qualquer penalização, mesmo que estejam dentro do período de fidelização.

A maioria dos clientes já está habituado a ser usado e abusado pelos operadores, que se protegem nos contratos com todo o tipo de cláusulas que lhe dão o poder de fazerem o que quiserem, quando quiserem. Mas desta vez parece que o conflito entre MEO e NOS deu vantagem aos clientes que se quiserem livrar do período de fidelização da NOS.

A MEO e NOS não chegaram a acordo quanto às questões dos direitos de transmissão, sendo que a MEO tem direitos sobre os jogos do Futebol Clube do Porto e do Porto Canal, enquanto que a NOS tem sobre o Benfica TV e Sporting TV e jogos dos respectivos clubes. Como tal a MEO cortou o acesso ao Porto Canal aos clientes da NOS desde a meia-noite de hoje - muitos dos quais ficaram indignados com este "corte".

Os operadores têm direito a alterar as condições de serviço, incluindo a suspensão de canais, mas estão obrigados a fazer uma comunicação com antecedência de 30 dias; coisa que neste caso não se verificou. Para a Deco, isto parece ser suficiente para que qualquer cliente possa rescindir o contrato, embora no caso dos clientes fidelizados, seja necessário "provar que o Porto Canal era essencial, e já o era no momento da contratação do serviço".

Não sei como é que a NOS poderá por em causa que o serviço não fosse essencial para o cliente - ainda para mais sabendo-se que há efectivamente muitos adeptos do FCP que só valorizam esse canal. Mas vai ser interessante ver como é que a NOS, que já muito tem sofrido com a concorrência da Vodafone, vai lidar com esta nova debandada de clientes.

5 comentários:

  1. A Nos não está a facilitar, vou ter de reclamar por escrito.

    ResponderEliminar
  2. A questão é que eles não tiraram o canal da grelha e dizem que só está indisponível temporariamente. Entretanto têm tempo de mandar o aviso.

    ResponderEliminar
  3. As operadoras estão a usar a religiosidade do futebol a seu favor, e realmente funciona.

    Entretanto isto é uma excelente oportunidade para os clientes que não estão contentes com a NOS possam rescindir contrato, se conseguirem, para procurar serviços mais baratos.

    ResponderEliminar
  4. Tenho um familiar que tinha interesse em tentar acabar com a fidelização da NOS. Será que esta situação servirá como desculpa? Gostava de saber se o pessoal tentou e teve sucesso com esta "novidade".

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

[pub]