2016/04/25

Os fascinantes planetas matemáticos de No Man's Sky


O jogo No Man's Sky tem atraído as atenções por soltar os jogadores num universo com biliões de planetas gerados matematicamente, e os criadores do jogos explicam-nos que tipo de variedade poderemos encontrar nestes mundos.

À medida que a data de lançamento de No Man's Sky se vai aproximando (21 de Junho) aumentam também as expectativas, e os receios, quanto ao jogo. Em sessões de demonstração já se pode ver um pouco do que este jogo terá para oferecer, mas permanece a grande questão de, com biliões de planetas disponíveis (e todos diferentes) se haverá mesmo diversidade suficiente para que os mesmos continuem a inspirar a curiosidade e o desejo de explorar nos jogadores.

Os criadores do jogos vieram partilhar um pouco da magia matemática que funciona nos bastidores e que é responsável por criar estes mundos, e que embora dependa de muitas coisas aleatórias, continua a ter regras bem definidas para garantir que os planetas serão visualmente atractivos e com aspecto realista (dentro do possível).

No entanto, ficamos também a saber que, quanto mais nos dirigirmos para o centro do Universo, mais as coisas começarão a ficar "estranhas"... E isto mais parece um desafio para que os jogadores lá tentem chegar e vejam as coisas o mais estranhas possíveis. :)

3 comentários:

  1. 'E daqueles jogos que tenho bastante curiosidade de experimentar. Mas ao mesmo tempo nao me aventuro em Pre-Orders porque parece ser bom de mais para ser verdade. Se as reviews forem bastante positivas após lancamento, certamente que vai fazer parte da minha library!

    ResponderEliminar
  2. Será que vai correr no steam em ubuntu?

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

[pub]