2016/08/07

Cronzy quer ser uma caneta com cores infinitas


As canetas têm permanecido praticamente inalteradas ao longo das décadas, mas agora surge uma que promete a capacidade de escrever em qualquer cor que se deseje com o simples toque de um botão.

É certo que já existem canetas multicolores, mas que se limitam a deixar-nos escolher entre uma reduzida selecção de cores (normalmente, duas ou quatro, com as que oferecem mais que isso a não serem canetas verdadeiramente práticas para utilização no dia a dia.) Esta Cronzy quer resolver o assunto recorrendo à mesma técnica que permite que uma impressora de jato de tinta imprima praticamente qualquer cor.

Para além do mais, os criadores prometem um sensor incluído na caneta, que permite "aprender" qualquer cor na qual se encoste a caneta, passando de seguida a poder reproduzi-la; assim como pontas de diferentes estilos, para que a caneta esteja apta a lidar com todo o tipo de trabalhos.

O problema é que a promessa parece boa demais para ser verdade, e embora seja apresentado um protótipo (muito mais volumoso e que demora dezenas de segundos até "afinar a cor") continua a ser bastante duvidoso que esta tecnologia pudesse mesmo ser miniaturizada de forma a caber numa caneta com a dimensão da que é prometida. Para além do mais, o facto do projecto ter recorrido ao Indiegogo também não abona particularmente a favor da seriedade e credibilidade...


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]