2016/09/25

Carro do Google envolvido em colisão violenta (mas como "vítima")


Um dos carros autónomos da Google esteve envolvido naquele que será o mais violento acidente até data (para os carros da Google), mas a culpa foi de um veículo que não parou num sinal vermelho.

O desenvolvimento dos carros autónomos está continuamente sob observação atenta, e não se perde uma oportunidade para os criticar quando falham, mas mais uma vez temos um caso que relembra que o maior perigo continuam a ser os condutores humanos.

O carro da Google estava a atravessar um cruzamento com semáforos, quando uma carrinha ignorou o sinal vermelho e chocou violentamente contra a parte lateral do carro autónomo. A Google já fez uma análise rápida do que se teria passado, e disse que nem se trataria de uma questão do seu automóvel ter arrancado rapidamente, pois o sinal já se encontraria verde para a sua faixa há pelo menos 6 segundos.

Mesmo que a tecnologia dos carros autónomos ainda demore mais umas décadas a retirar os condutores humanos de trás dos volantes, penso que pelo menos se poderia começar a exigir - a curto prazo - que todos os automóveis viessem equipados com câmaras capazes de registar o que se passa a 360º e guardarem um registo, tipo caixa negra, que facilitasse a investigação e determinação da causa dos acidentes.

Isso... e também para contribuir para os sempre impressionantes vídeos das coisas a que se assistem nas estradas. ;P

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]