2016/12/26

Banco alemão quer cobrar 1 cêntimo por clique no seu site


Como se não bastasse ter que lidar com a potencial "taxa dos links" eis que um banco alemão avança já com uma modalidade que muitos gostariam de ver expandida a toda a internet: cobrar por cada clique feito no seu site.

Poderia parecer uma piada de 1 de Abril, mas infelizmente parece ser mesmo verdade. Há um banco alemão que teve a ideia de cobrar 1 cêntimo por clique aos seus clientes, independentemente de estarem a realizar operações bancárias ou simplesmente a navegar no site. Sendo ainda mais caricato que o banco já cobra 3.50 euros por mês pelo acesso online aos serviços bancários.

Talvez a ideia seja promover novamente a interacção pessoal, obrigando as pessoas a fazerem as coisas "à moda antiga" dirigindo-se aos balcões (depois seria interessante contabilizarem a necessidade de meterem mais pessoa para lidar com o afluxo de clientes) - mas não me parece. O que provavelmente lhes interessa é fazer com que os clientes optem pela modalidade em que pagam 5  euros por mês, e aí ficam com acesso ao serviço online sem que lhes seja cobrado 1 cêntimo por clique.

Não menos curioso será o facto do banco justificar a necessidade desta medida por causa dos "processos em background que são feitos a cada clique e que custam dinheiro ao banco"... e enquanto tentam digerir isto, o banco já anunciou que em breve planeia actualizar esse valor, e que o custo por clique passará a ser de 2 cêntimos.


... Eu até ia dizer para os bancos portugueses não se porem com ideias... mas depois lembrei-me que alguns dos nossos bancos já cobram quase 1 euros para realizar uma simples transferência online... o que já seria equivalente a 100 cliques a 1 cêntimo. ;P

8 comentários:

  1. Bem... por cá temos o caso do Montepio, que numa transferência intra-bancária, cobram 1€! 1€ para transferir o dinheiro (podem ser 30 cêntimos) para outra conta no mesmo banco! Não sei se não preferia pagar por clique. Acho que em 10 cliques ou menos, fazia a transferência xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que essa cobrança é obrigatória pelo estado, se usar o sistema multibanco não há cobrança.

      Eliminar
    2. Não deve ser obrigatória, visto que há bancos que nada cobram.

      Eliminar
    3. Claro que não é nada obrigatório. É ao livre critério de cada banco cobrar ou não cobrar.

      Eliminar
  2. E mesmo com coisas assim há anormais que continuam a usar o banco, votando com a carteira que coisas assim resultam

    ResponderEliminar
  3. E depois Lembraram-se de criar sites complicados para aumentar o número de cliques necessários para efectuar uma operação.. Se isso me acontece-se aqui em Portugal no mesmo dia cancelava a conta

    ResponderEliminar
  4. Já estivemos mais longe da taxa de pensamento... (sim, onde teremos que pagar para poder pensar!)

    ResponderEliminar
  5. Usem o mbway que não tem custos nas transferências interbancárias.

    ResponderEliminar

[pub]