2017/06/06

Apple apresenta watchOS 4


O Apple Watch tem sido o smartwatch mais popular do mercado, e com o novo watchOS 4 a Apple melhora-o ainda mais sem necessidade de comprar um novo relógio.

O início da WWDC 2017 esteve recheado de novidades, e um das primeiras a ser apresentada foi a actualização do watchOS para a versão 4. O Apple Watch ganha novos watchfaces, incluindo um com acesso à Siri mas, mais importante, temos "complicações" que podem ser configuradas em função da hora e local.

As complicações são os mini-widgets que se podem adicionar aos watchfaces, por exemplo, o nível da bateria, número de passos, eventos, meteorologia, e outros elementos disponibilizados por apps que se tenham instalado. São uma das coisas que achei mais inovadoras no Apple Watch (e que felizmente a Google copiou no Android Wear 2.0) e que agora dão o passo seguinte. Nem sempre faz sentido ter as mesmas complicações quando se está em casa, ou na rua ou no trabalho - e com o watchOS isso é possível, criando um watchface que se adapta ao que queremos ao longo do dia.

Sabendo-se que grande parte dos utilizadores usa o Apple Watch para o tracking dos seus exercícios, com esta actualização isso torna-se ainda mais atractivo, pois passa a poder ligar-se às máquinas de treino nos ginásios via NFC para registar informação detalhada sobre o que se está a fazer.

O watchOS 4 fica disponível desde hoje para os developers, sendo lançado publicamente no Outono.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]