2017/07/08

Geohot lança módulo OBD2 Panda e software de análise CAN Cabana


As aspirações de George Hotz de revolucionar os automóveis autónomos com um kit de baixo custo foram destruídas pela burocracia e legislação, mas ele está de regresso com um módulo OBD2 e software de análise que permitirá que qualquer um dê continuidade ao projecto.

Para criar o seu sistema de condução autónomo, George Hotz recorria a informação recolhida pela porta ODB2 existente em todos os automóveis fabricados nas últimas duas décadas, e que também permite controlar diversos sistemas do carro mediante o envio dos comandos adequados.

Hoje em dia já é possível encontrar módulos OBD2 Bluetooth por apenas 3 euros, mas George Hotz teve que criar o seu, para ter acesso a todos os canais de comunicações disponíveis nesta porta. O seu módulo OBD2 Panda suporta três canais CAN, dois LIN, e um GMLAN, contando com conectividade WiFi e USB (e até pode recarregar um smartphone que se ligue à sua ficha USB).

O módulo é compatível com a app chffr, que assim pode adicionar toda a informação pertinente do veículo (como posição do acelerador, travão, volante, etc.) ao registo das imagens de vídeo; e para além disto, GeoHot disponibiliza também o cabana, o software de análise de dados CAN e que vem dar acesso a todos os entusiastas ao mesmo tipo de ferramentas que até aqui estavam apenas disponíveis para profissionais (ele refere que o único software decente que existia era o CANalyzer, que custa cerca de 10 mil dólares).

Para os interessados em saberem todos os detalhes sobre o seu automóvel, o módulo Panda está disponível por 88 dólares.





Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]