2017/07/29

Navio eléctrico autónomo chega em 2018


Não é só nas estradas que os veículos eléctricos autónomos poderão revolucionar a nossa sociedade, também no transporte marítimo se espera aproveitar essas vantagens, e o primeiro navio porta-contentores desta nova geração chega à água já no próximo ano.

Yara Birkeland, agora em construção, já está a ser chamado o "Tesla dos mares", e irá transportar contentores com fertilizantes ao longo de 60km nos fiordes noruegueses. O navio, completamente eléctrico e autónomo, tem custo de 21.5 milhões de euros - três vezes mais que um navio convencional do seu tamanho - mas esse valor será rapidamente recuperado, já que os custos de operação anuais serão 90% inferiores, pois não será necessário tripulação nem combustível.

Este navio acabará por ser um balão de ensaio para outros projectos, sendo que se trata de uma aposta de "baixo risco" pois, para além do período inicial em que ainda contará com humanos a bordo, estará a navegar numa área em que estará sempre acessível (ao contrário de um navio que atravesse os oceanos, e que pudesse ter um problema que obrigasse ao envio de uma equipa a bordo). Ainda assim, este navio irá evitar mais de 40 mil viagens de camiões por ano, com a consequente redução em termos de trânsito, emissões poluentes, etc.

O Yara Birkeland irá recorrer a um vasto conjunto de equipamentos, como GPS, radar, câmaras, para fazer a navegação, e até conseguirá atracar no cais de destino sem ajuda humana - que no entanto estará sempre disponível para controlar remotamente a embarcação, sempre que for necessário.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]