2017/10/19

Inteligência Artificial da Google supera AlphaGo treinado por humanos


Os sistemas de inteligência artificial da Google já são capazes de aprender melhor sozinhos do que com intervenção humana. Uma ideia que é simultaneamente fascinante... e também um pouco assustadora.

Há alguns meses, o AlphaGo da Google derrotou o campeão mundial de Go sem margens para dúvidas. Foi um marco importante para o avanço dos sistemas de inteligência artificial, mas que dependeu também da mestria dos membros da equipa que ensinaram o sistema. Esse processo de ensino e treino do sistema de inteligência artificial é algo bastante complexo e moroso, e que exige a intervenção de especialistas em AI.

Ora, a Google tem explorado a criação de sistemas de inteligência artificial que sejam capazes de aprender por si próprios, e os resultados estão à vista: o novo AlphaGo Zero é um sistema que foi criado sem qualquer intervenção humana, jogando apenas contra si próprio, e que derrotou o AlphaGo treinado por humanos (o mesmo que já tinha derrotado o campeão mundial) por uns expressivos 100 a 0!

O que isto vem demonstrar (refreando os receios de que estamos mais próximos de uma Skynet como nos filmes Terminator) é que a inteligência artificial tem um imenso potencial para melhorar as coisas - mesmo aquelas que já pareceriam ser excelentes, feitas por especialistas. Não se trata de lhes tirar o trabalho, mas simplesmente de os libertar dos processos morosos e "chatos" - que, como se vê, podem ser feitos de forma automática - permitindo-lhes que se concentrem em todos os outros aspectos em que a inteligência artificial ainda não tem capacidade para superar a inteligência humana.

1 comentário:

  1. Vamos ver quando ativarem o novo Chip (Pixel Visual Core) presente nos Pixel 2 se as fotos vão ficar melhores que a realidade ;)

    ResponderEliminar

[pub]