2016/04/17

Utilização dos PCs para aceder à internet está em queda


Depois de mais um período com vendas de PCs a cair, temos mais um relato que mostra os computadores desktop (incluindo os portáteis) a perderem expressão no acesso à internet.

Os dados da comScore parecem demonstrar que os utilizadores se estão a render cada vez mais à comodidade dos dispositivos mobile - smartphones e tablets - para acederem à internet, em vez de usarem os seus computadores tradicionais. Depois de em 2015 se ter assistido a um crescimento face aos valores do ano anterior, a segunda metade do ano foi sempre a descer, e este ano tem permanecido continuamente nos valores negativos.


Estes dados referem-se apenas ao mercado nos EUA, mas penso que poderão ser um indicador geral para muitos outros países - incluindo o nosso. Afinal, quantos de nós não contribuem para esta mesma tendência, optando por usar o smartphone para coisas que anteriormente reservariam para fazer no "computador"?

Ainda assim, há alguns aspectos que continuam a ser mais cómodos de realizar num PC do que num smartphone ou tablet, especialmente nas questões que implicam o multitasking. Mas é previsível que com a evolução dos sistemas mobile isso venha a ser minimizado no futuro (a aposta na facilidade do multitasking, e até de se correrem apps em janelas, é algo que tem vindo a receber atenção acrescida nestes últimos tempos.)

... Estarão as plataformas mobile destinadas a tornarem-se réplicas dos sistemas desktop? Esse é uma das perguntas interessantes, que só o tempo responderá.

2 comentários:

  1. é normal eu por exemplo já só uso o pc que é um híbrido para ver filmes ou para estudar mas para tudo o resto uso o telemovel

    ResponderEliminar
  2. As tabletes, e os telefones móveis espertos são mais práticos para a maioria das pessoas.
    As associações de ópticas de todo o mundo aprovam esta mudança, pois é muito boa para o negócio de venda de óculos.

    ResponderEliminar

[pub]