2016/05/29

Doom 1996 vs Doom 2016 - 20 anos de evolução nos gráficos


Doom é o jogo que se pode considerar o pai dos first-person shooters modernos, mas olhando para trás é impressionante ver a diferença que 20 anos de evolução fazem.

Em 1993, Doom foi o jogo que revolucionou o segmento dos videojogos, com um jogo com gráficos "espectaculares" - numa altura em que tudo tinha que ser calculado pelo CPU, e coisas como GPUs ainda nem sequer faziam parte do vocabulário dos jogadores. Foi uma proeza técnica criar um jogo assim, numa altura em que os PCs eram sinónimos de coisas como CPUs Intel 386, com 2MB de RAM, e placa gráfica VGA com 256 cores.

Se na altura era impossível não ficar maravilhado com o realismo gráfico (relativamente falando) do jogo, vinte anos mais tarde o novo Doom mostra-nos o quanto as coisa evoluíram, e como muitas das memórias que se têm do jogo demonstram o quanto na altura tinha que ser preenchido pela nossa imaginação, para transformar o festival de pixeis naquilo que idealmente o jogo representaria. Algo que na nova versão já não depende da nossa imaginação, pois pode ser ser visto em alta-resolução e com todo o detalhe sangrento característico desta série de jogos.

Fiquem com o vídeo que demonstra bem esta evolução, comparando o Final Doom de 1996 com o novo Doom de 2016.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]