2016/05/03

Samsung começa a vender o Artik 10 este mês

A Samsung quer estar na linha da frente na adopção da "Internet of Things" e parte dessa aposta passa por disponibilizar uma plataforma de desenvolvimento que facilite a vida a quem se quiser aventurar neste mundo que mistura a electrónica com o software - e que tem sido dominado pelo Raspberry Pi e Arduinos: o Artik 10.


O Artik 10 será uma alternativa ao Raspberry Pi 3, vindo com um CPU octa-core (estranhamente, de 32 bits) 2GB de RAM e 16GB de flash. O seu GPU pode apresentar vídeo HD até 120fps, temos portas USB, e ainda comunicações wireless para todos os gostos: WiFi, Bluetooth e ZigBee - opção que não esconde as pretensões deste micro-computador nas aplicações para a IoT.

Estas placas (existem diferentes variantes - incluindo modelos ultra-reduzidos, Artik 1, que estarão disponíveis para fabricantes que as desejem integrar directamente nos seus produtos) poderão ligar-se automaticamente à cloud Artik da Samsung que pretende fazer toda a gestão de todos os dispositivos. Sendo esse um factor de descanso, ou preocupação, dependendo da opinião de cada um quanto a deixar as questões de segurança e potenciais vulnerabilidades nas mãos da Samsung.

O maior problema será certamente o seu preço. O Artik 5, que era uma placa mais pequena destinada a wearables já tinha um custo de $99.99; sendo de esperar que o Artik 10 custe ainda mais que isso... o que na prática não o torna num concorrente directo do Raspberry Pi 3 com o seu preço ultra-reduzido (mesmo adicionando-se os módulos para ter ZigBee, continuará a ter um preço mais baixo.)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]