2016/06/05

A forma mais eficiente de embarcar num avião é "à sorte"


A maioria das companhias aéreas continua a insistir no embarque com passageiros ordenados das filas traseiras para as filas frontais - mesmo já estando demonstrado que esse é o método mais lento.

Viajar de avião é algo que está associado ao ritual da confusão do embarque (e saída), com as pessoas a "atropelarem-se" pelo meio das malas que tentam arrumar da melhor forma nos compartimentos sobre as suas cabeças. Mais absurdo será ver companhias aéreas que insistem em ordenar a entrada de passageiros, mesmo quando se sabe que esse método acaba por ser bastante mais lento.

Embora, à primeira vista, a ideia de deixar entrar primeiro os passageiros que vão para a traseira do avião pareça ter lógica, isso acaba por não resultar na prática, pois causa "congestionamento" no acesso aos compartimentos para arrumar a bagagem de mão. Mais eficiente seria ordenar os passageiros por "colunas", com os passageiros das janelas a entrarem primeiro, seguido dos que se sentam nas cadeiras centrais, e depois os das cadeiras juntas ao corredor - embora isso significasse que pessoas que vão juntas teriam que embarcar separadamente (o que poderia ser complicado para famílias com crianças).

Mas não há problema, pois há ainda um método bastante mais eficiente: que é deixar que as pessoas entrem sem qualquer ordenação especial e sem lugar marcado. Neste caso, o embarque de um avião com 173 passageiros cai de 24.5 minutos para pouco mais de 14 minutos, sendo o método mais eficiente.

1 comentário:

[pub]