2016/08/24

Galaxy Note 7 vs iPhone 6S


O Galaxy Note 7 da Samsung vem equipado com o melhor hardware do momento (incluindo o melhor ecrã de sempre), mas tem também sido criticado por, ainda assim, não ter a fluidez que seria desejável. Um comparativo do tempo que demora a abrir apps face a um iPhone 6S volta a deixá-lo em desvantagem.

Como sempre, há que ter em conta que um teste em que se abrem inúmeras apps em sequência (num primeiro ciclo sem estarem em memória, num segundo ciclo já estando em memória) vale aquilo que vale, e que tratando-se de plataformas diferentes, essa comparação não depende apenas unicamente do hardware mas também da forma como essas apps foram programadas.

De qualquer modo, não deixa de ser uma comparação válida, que permite avaliar a eficência global e a experiência que os futuros utilizadores irão sentir no seu dia a dia, a abrirem e saltarem de app para app. E os resultados não deixam qualquer margem para dúvidas, mesmo quando se compara o recém-chegado Note 7 com o iPhone 6S do ano passado, o iPhone consegue ser subtancialmente mais rápido, não só poupando quase um minuto na primeira ronda - com 1:51 vs 2:49 (valor significativo, com o Note 7 a demorar quase mais 50% do tempo do iPhone) - como também na segunda ronda, onde se esperaria que os 4GB de memória do Note 7 permitissem uma mais valia face aos 2GB do iPhone 6S (com 1:21 vs 2:04).

A Apple já tem tradição de, ao controlar o hardware e software na sua totalidade, consegue obter um maior nível de eficiência e optimização que o Android. Resultados como este confirmam-no, e acima de tudo confirmam que ainda muito há por fazer, até que tanto de um lado como do outro, os utilizadores deixem de ter que esperar para abrir apps. Com o hardware actual simplesmente não há qualquer justificação para que qualquer app demore mais que um par de segundos a abrir e estar pronta a ser executada, e o resto, como se costuma dizer... "é conversa!"


1 comentário:

[pub]