2017/01/01

Que altura pode ter um tsunami?


Os tsunamis já demonstraram o seu potencial destrutivo nesta década, mas é ainda mais assustador olhar para alguns exemplos do passado que relembram que a escala destas ondas gigantes pode atingir proporções que desafiam até os filmes de Hollywood.

Dos tsunamis com algumas dezenas de metros de altura - que até podem parecer pequenos até nos lembrarmos que já são equivalentes a prédios com 5 ou 10 andares e cujo rasto de destruição ainda está presente na memória de milhões de pessoas directamente afectadas pelos incidentes recentes - aos casos documentados de tsunamis com centenas de metros de altura, há todo um assustador mundo de ondas que parece não ter limite.

Temos casos vergonhosos ainda no século passado, em que construções de barragens resultaram em tragédia ao ignorarem todos os alertas para o perigo de deslizamento de montanhas (tendo originado uma onda com mais de 200 metros de altura que dizimou toda uma povoação); e recuando até 1958, um caso de um mega-tsunami no Alasca com uma onda com mais de 500 metros (!) de altura.

Mas as coisas não se ficam por aqui... e recuando ainda mais, para o passado distante, temos incidentes que nos levam a ondas com 5 quilómetros - sim, quilómetros - de altura. Por muito que alguns surfistas até pudessem apreciar o desafio, será melhor deixar que isso aconteça daqui por mais alguns milhões de anos.




E já agora, um vídeo sobre como são formados os tsunamis (juntamente com um episódio histórico que poderão reconhecer como tendo influenciado um certo livro bem conhecido).



... E ainda, por estar algo relacionado... um vídeo sobre a sempre assustadora profundidade dos nossos oceanos... aqueles que cobrem a maior parte da superfície do nosso planeta, e que permanecem praticamente inexplorados.


1 comentário:

  1. Tens os valores muito inflacionados/fontes erradas (estás a tentar traduzir pés em metros?).
    O do alasca só alcançou 30 metros, ligeiramente mais que as ondas da nazaré, e as ondas que falas, geradas pelo impacto do meteorito em yucatan, eram de 1-2kms apenas (estimativa dos cientistas que estudaram o impacto), dando duas voltas ao mundo.
    A maior parte dos tsunamis fica bem abaixo disso (10-20m), as ondas de tempestade raramente ultrapassam os 10m (embora isso já tenha acontecido, por exemplo, no final do ano passado nos Açores).
    E há ainda as freak waves, ondas até 30m de origem mal conhecida, que não são causadas nem por maremotos, nem por tempestades, que podem ocorrer em qualquer parte dos oceanos, mesmo com bom tempo.
    Verifica as tuas fontes :D

    ResponderEliminar

[pub]