2017/02/20

ZTE reconhece o falhanço do Hawkeye e promete aprender para o futuro


A ZTE recorreu ao Kickstarter para criar um smartphone que supostamente seria tudo aquilo que os utilizadores desejavam, mas afinal o resultado parece ter sido tudo menos isso.

Depois de um arranque que ficou bastante aquém do esperado e de uma tentativa de relançar a campanha, a ZTE opta por cancelar o projecto CSX / Hawkeye que tinha de correr no Kickstarter.

Segundo aquilo que a ZTE nos dizia serem os desejos do público, teríamos um smartphone com traseira adesiva, que o permitiria fixar em qualquer superfície (não ficava explicado como é que o poderíamos colocar no bolso sem o mesmo ficar "colado"), e com eye-tracking. No entanto, parece ter falhado em algo tão simples quanto as características principais do hardware, com os fãs a ficarem desanimados pela opção por um CPU de gama média em vez de segmento superior.

A ZTE opta por reconhecer esse erro e cancelar o projecto, mas sem que isso represente o fim destes sonho. Da próxima vez o seu objectivo será utilizar um Snapdragon 820 ou até mesmo o mais recente 835, e que manterá os fãs informados quanto a estes novos desenvolvimentos que obrigam a praticamente recomeçar do zero.

De referir que, até à data, apenas 180 pessoas tinham investido no projecto do Hawkeye no Kickstarter, representando apenas 36 mil dólares de um objectivo pretendido de 500 mil dólares.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]