2017/03/09

Porn copyright trolls confessam finalmente esquema fraudulento


Já sabemos que a realidade supera a ficção, e felizmente desta vez temos o encerrar de um capítulo que certamente poderia inspirar um filme ou série de televisão, com supostos advogados que produziam filmes pornográficos para os espalhar na internet e depois pedir indemnizações a quem os descarregasse.

Bem sabemos que as entidades gestores dos direitos de autor têm disparado em todas as direcções para tentarem desincentivar os downloads ilegais, e muitas vezes isso passa por ameaças do estilo "pague já X valor para ficar com o assunto arrumado, ou arrisque ir para o Tribunal e pagar um valor muito superior". Uma táctica que não deixa de ser abusiva mas que vai resultando... e que terá estado na origem da ideia de ganhar dinheiro fácil para a dupla John Steele e Paul Hansmeier, naquilo que ficou conhecido como a operação "Prenda Law".

A ideia era simples, em vez de tentar recuperar dinheiro a favor de detentores de direito terceiros, recebendo apenas uma comissão, porque não tratar do processo completo? E para isso não hesitaram em produzir os seus próprios filmes pornográficos, que nem sequer tentaram comercializar pelos circuitos convencionais - em vez disso, os filmes eram colocados directamente no Pirate Bay, para de seguida irem em perseguição de todos os que os descarregassem, com a ameaça de processos onerosos que poderiam "desaparecer" mediante um pagamento simbólico.

O negócio até poderia ter sido proveitoso, já que permitiu amealhar vários milhões de dólares... mas infelizmente alguns dos que optaram por combater as ameaças deste grupo começaram a investigar as coisas, e não demorou para que surgissem as suspeitas de que os próprios advogados estavam por trás da rede de produção e distribuição pirata dos filmes - tendo agora sido confirmada pela dupla perante os juízes, com a correspondente suspensão da sua licença de advogados e também o enfrentar de vários casos de fraude e branqueamento de capitais.

... Ora bolas... e pensar que era um negócio tão garantido... ;P

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]