2017/05/03

Windows 10 S vem com Edge e Bing obrigatórios


Na apresentação do Windows 10 S a Microsoft fez questão de referir que era possível utilizar outros browsers (que fossem disponibilizados via Windows Store) mas esqueceu-se de dizer que os utilizadores serão forçados a utilizar o Edge e o Bing quer queiram ou não.

O Windows 10 S está vocacionado para o sector do ensino e recorre à restrição de instalações apenas via Windows Store como forma de evitar a instalação de programas "mal feitos" que possam ter impacto negativo no sistema. Ainda assim, há coisas que os utilizadores de Windows esperariam poder fazer, e a utilização do seu browser e motor de busca favorito seria uma delas.

Infelizmente, embora a MS dê a possibilidade dos utilizadores correrem outros browsers disponíveis na Windows Store (o que de momento não inclui o Chrome), não lhes dá a possibilidade de alterarem o browser e motor de busca pré-definido, que será o Edge e o Bing.

Quer isto dizer que sempre que clicarem num link em qualquer app, será o Edge a abrir a página e não o browser que potencialmente gostariam de utilizar; e as pesquisas, a não ser que abram expressamente a página do motor de busca pretendido, serão sempre feitas através do Bing.

É uma opção estranha da Microsoft, que se parece esquecer dos tempos em que na Europa foi obrigada a adicionar um menu de selecção de browsers alternativos ao Windows. Se calhar está apenas a precisar de ser relembrada disso; por outro lado, talvez esteja a pensar argumentar que o Windows 10 S não tem posição dominante no sector, e que por isso fica habilitada a poder forçar esta utilização. O que é certo é que até no "fechado" iOS os utilizadores têm a liberdade para poderem definir o motor de busca que preferirem (embora o Safari também seja sempre o browser pré-definido); e no Android é possível escolher qualquer browser que se queira. Já no Chrome OS, não podemos trocar de browser, é certo, mas aí estamos a falar de um caso particular em que é o "browser" é o próprio sistema.

Por um lado compreende-se o desejo da MS tentar atrair os mais novos para o seu browser e motor de pesquisa, esperando que isso venha a dar frutos a longo prazo; mas tentar impor a sua vontade contra os desejos dos utilizadores raramente resulta... e não me parece que esta obrigatoriedade de usar o Edge e o Bing vá funcionar a seu favor.

5 comentários:

  1. Está aí uma afirmação que não vi nenhum site fazer. Não se tem certeza disso ainda, ou se tem? A própria matéria base diz "It isn't clear if OEMs will be able to override this feature of Windows 10 S."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem faz a afirmação é a própria MS, no seu FAQ:
      "Are there any defaults that I cannot change on my Windows 10 S PC?
      Yes, Microsoft Edge is the default web browser on Microsoft 10 S. You are able to download another browser that might be available from the Windows Store, but Microsoft Edge will remain the default if, for example, you open an .htm file. Additionally, the default search provider in Microsoft Edge and Internet Explorer cannot be changed. "

      Eliminar
    2. Perfeitamente Carlos, obrigado pela informação. Realmente é um grande tiro no pé, e a história mostra que quem obriga algo sempre perde no futuro

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

[pub]