2017/07/09

Windows 10 vai minimizar chatices com o high DPI


O peso das décadas de compatibilidade que carrega consigo fazem com que o Windows 10 ainda hoje sofra de alguns problemas quando se usam modos de resolução mais elevada, mas a próxima actualização do Windows 10 deverá minimizar a chatice de lidar com apps que ficam "desfocadas" ao se mudar de resolução.

Quem se aventura a usar o Windows 10 em monitores 4K já sabe que tem que estar preparado para lidar com alguns programas que não sabem como lidar com isso da melhor forma, nem mesmo quando se ajusta os DPIs do ecrã para que se tivesse um interface em tamanho decente, mas sem perder a resolução onde é precisa.

O caso complica-se ainda mais quando se usam docking stations e essa definição pode mudar a qualquer momento, fazendo com que alguns programas fiquem "desfocados", e que até ao momento obrigam a que o utilizador tenha que reiniciar o computador ou, no mínimo, a fazer logout e login novamente. A Microsoft está a tentar minimizar esse inconveniente, e numa próxima actualização chega uma alteração que permitirá corrigir esses programas mediante o seu fecho e reabertura, sem necessidade de reboot ou logout.

Claro que o ideal seria que os criadores dos próprios programas os actualizassem e lhes adicionassem a capacidade de lidar com a mudança de resolução/DPI de forma dinâmica; mas para os utilizadores que até ao momento tinham que lidar com reboots de cada vez que se ligavam/desligavam de uma docking station, certamente será muito mais cómodo simplesmente reinicar o programa em vez do computador.

2 comentários:

  1. Sofro com isto há uns 4 anos, desde o Windows 7.
    Será muito bem-vindo.

    ResponderEliminar
  2. Um dos softwares com problemas é o próprio Office 2016! Basta ter um monitor com definição superior a HD, como é o caso dos Surface Pro, e ligar um ecrã externo que seja só HD e passar para lá o Office e fica tudo desfocado. Não se compreende como a própria Microsoft com o Office se preocupe!

    ResponderEliminar

[pub]