2017/11/30

Experiência VR Zero Latency chega a Portugal


Mergulhar nos mundos da realidade virtual para sessões divertidas com os amigos vai ser possível já a partir do próximo mês com a chegada do primeiro centro Zero Latency VR a Portugal.

A Zero Latency tem-se especializado na criação de centros VR em grande escala, onde até 8 jogadores podem participar em simultâneo em jogos de diferentes tipos. Depois dos EUA, Japão, Austrália, México e Espanha, é a vez de também Portugal entrar para esse lista, com a abertura do segundo centro Zero Latency na Europa, no Dolce Vita Tejo em Dezembro.

As "arenas" Zero Latency são espaços amplos com até 400m2, por onde os jogadores podem andar livremente em modo VR sem se preocuparem com cabos ou sensores, pois estão equipados com sistemas completamente autónomos e portáteis. Claro que, olhando para este espaço através dos óculos VR o cenário será completamente diferente, e será mais difícil darem um passo em frente se estiverem perante uma parede virtual ou um abismo causador de vertigens...


Vai ser definitivamente uma experiência que todos deverão experimentar... em género de antecipação ao que daqui por uns anos se tornará comum termos em nossas casas (quando chegarmos a uma 3ª ou 4ª geração de produtos como os Oculus Rift, PS VR e HTC Vive...) e nessa altura permitindo que experiências deste tipo até possam ser feitas entre amigos, mesmo que uns estejam em Portugal e os outros no outro lado do mundo.


Actualização: abre dia 18 de Dezembro!

O Centro Zero Latency está localizado no Dolce Vita, ao lado da KidZania, junto à zona de restauração. O horário de funcionamento será de segunda a quinta-feira das 14:00 às 22:00, e na sexta-feira das 14:00 às 23:00. No sábado estará aberto das 11:00 às 23:00 e no domingo das 11:00 às 22:00. A idade mínima para participar na experiência imersiva de realidade virtual é de 13 anos. O preço por pessoa por uma hora de sessão é de 24,95€ ( o tempo de jogo é de aproximadamente 30 minutos, podendo variar consoante o tempo que os jogadores demorarem a equipar-se). Além das bilheteiras no centro, será também possível comprar bilhetes on-line, bastando a qualquer pessoa deslocar-se ao site do Zero Latency, escolher o dia, a hora, número de pessoas e proceder ao pagamento. Sugere-se, no entanto, a reserva on-line atempada do dia e hora da sessão pretendida.




7 comentários:

[pub]