2012/10/14

Red Bull Stratos Saltou do "Espaço"


Tal como tinhamos anunciado no outro dia, numa tentativa que depois foi abortada devido a vento excessivo, a missão Red Bull Stratos, que visava repetir (e superar) o feito de um salto em queda-livre quase da fronteira do "espaço", foi finalmente concretizada hoje.

Enquanto se aguardam pelos dados oficiais, foi um salto que embora não tenha consegui bater todos os recordes a que se propôs, nomeadamente o do salto em queda livre mais prolongado, conseguiu ainda assim superar vários: incluindo do mais alto vôo em balão, salto à mais alta altitude, e maior velocidade atingida em queda livre (aguarda-se para determinar se terá mesmo superado a barreira do som.)

Foram quase 2h30 para subir até aos 128 mil pés/39km de altitude, e menos de 10 minutos para voltar a ter os pés no chão.

Parabéns ao Felix Baumgartner e a toda a equipa envolvida nesta missão "Stratos".


Actualização: vídeo da descida (agora só falta vermos os vídeos das câmaras que Felix levava consigo durante a queda! :)

Está confirmado: Felix atingiu Mach 1.25, mais do que inicialmente se pensava.



Vídeo da câmara que ele levava ao peito já disponível:

5 comentários:

  1. não foram 49km... foram 38-39km... :)

    ResponderEliminar
  2. Viva

    "Um grande salto para a humanidade..." :)

    Nem consigo imaginar o "olhar para o chão" antes do salto..., eu para quem 10 metros de altura já é o infinito... lol.

    ResponderEliminar
  3. Assisti a isto em directo e foi brutal :) Especialmente em que ele veio um bocado descontrolado a descer!! ehehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, houve lá uma altura em que também pensei que ele só se safasse com o paraquedas automático... mas felizmente, conseguiu recuperar.

      Eliminar

[pub]