2022/09/13

CPUs Intel Raptor Lake prometem chegar aos 8 GHz

A Intel já começou a revelar mais detalhes sobre a sua próxima geração de CPUs Raptor Lake (13th gen), com os quais espera superar os 8 GHz - com alguma ajuda.

Falando mais realisticamente, os CPUs Raptor Lake poderão chegar aos 6 GHz, um valor que parece ter sido decidido quase em função dos 5.7 GHz dos novos Ryzen 7000 da AMD. A promessa de chegar aos 8 GHz torna-se quase irrelevante, considerando que se está a falar de overclocking com recurso a azoto líquido, com impacto nulo para o uso comum de 99.999% dos utilizadores. Além de que, o actual recorde de overclocking já se situa nos 8.794 GHz, atingidos com um CPU AMD, com os Intel a ficarem bem atrás, nos 7.9 GHz.
Mais importante que estas promessas de velocidade malucas, seria focarem-se na ausência de bugs ou vulnerabilidades que depois obrigam a desactivar funções com impacto severo no desempenho, e também focarem-se na eficiência - já que há muito que os "consumos máximos" são apenas meramente indicativos, com os CPUs a gastarem bem mais que isso quando são usados a 100%.

Os novos CPUs Raptor Lake serão lançados já no próximo mês (Outubro).

2 comentários:

  1. a AMD deve ter uma grande carta na manga para terem feito o lançamento dos CPUs primeiro que a Intel....

    ResponderEliminar
  2. "o actual recorde de overclocking já se situa nos 8.794 GHz, atingidos com um CPU AMD, com os Intel a ficarem bem atrás, nos 7.9 GHz."

    "Bem atrás" nem por isso. Se consideramos os quase 8.8GHz de um AMD FX de há 10 anos atrás, consideramos também os 8.5GHz de um Celeron com 15 ou 16 anos.

    Seja como for isso vale zero.

    ResponderEliminar

[pub]