2016/05/05

Microsoft tem touchscreen (verdadeiramente) 3D


O 3D Touch da Apple tem permitido aplicar uma nova dimensão à interacção com os touchscreens, permitindo detectar diferentes níveis de pressão (e já sendo replicado por mais fabricantes) mas agora a Microsoft mostra-nos aquilo que poderá realmente chamar-se de 3D Touch, reconhecendo gestos até sem se tocar no ecrã.

Os laboratórios da Microsoft muito investem em todo o tipo de tecnologias - mesmo que nem todas resultem em produtos que cheguem ao mercado - e desta vez apresentam-nos uma que esperamos poder ver em breve em acção: um touchscreen com capacidade para reconhecer a aproximação dos dedos ao ecrã e que parece ter muito mais precisão e capacidade que os anteriores sistemas Air View da Samsung e Floating Touch da Sony.

Esta tecnologia torna-se muito mais apropriada que os touchscreen sensíveis à pressão para inúmeras aplicações, embora a mesma deva ser considerada uma tecnologia complementar e não uma concorrente (continua a haver casos em que será interessante ter a capacidade de detectar diferentes níveis de pressão). Entre as vantagens, temos a possibilidade de ter interfaces muito mais intuitivos, onde os elementos são mantidos escondidos até que se aproximem os dedos do ecrã - ou a capacidade de ter funções adicionais quando se paira o dedo sobre determinados elementos (como se pode fazer com o ponteiro do rato, sem clicar num elemento).

A tecnologia parece estar pronta a usar, faltam apenas os dispositivos nos quais utilizá-la. Talvez para a geração de Surface Phones que se esperam para 2017?


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]