2016/05/08

Monospinner é drone com uma só hélice e que ainda assim pode ser controlado


Drones há muitos, de todos os tamanhos e feitios, no entanto todos eles têm algo em comum: o facto de terem duas ou mais hélices. O Monospinner quebra essa regra, e mostra que é possível voar com uma só hélice... embora seja um voo que parece completamente descontrolado.

Não é por acaso que os helicópteros necessitam da hélice traseira para contrariarem o movimento de rotação das pás do rotor principal. Quando se tem apenas uma hélice a girar sem qualquer apoio, o objecto terá igualmente tendência para girar (com duas ou mais hélices este problema não se coloca, pois basta colocar as hélices a girarem em sentidos opostos para contrariarem esse efeito).

Mas, com a magia da electrónica e dos sensores, um grupo de investigadores criou este drone Monospinner com uma só hélice, que mesmo parecendo girar descontroladamente, está na realidade a voar de forma completamente controlada, pois aproveita-se do seu próprio movimento de rotação. Neste caso a forma de controlo é muito mais complexa, pois tem que ser feita via a força transmitida pelo motor no exacto momento em que produzirá o movimento aposto na direcção pretendida... e isto enquanto está ele próprio a girar.

É uma técnica que pode ser assemelhada a virar um avião ou embarcação com dois motores, dando mais potência ao motor do lado oposto ao lado para onde se pretende virar... mas feita com um só motor.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]