2016/05/07

NASA descobre três planetas de tamanho idêntico ao da Terra


O nosso Universo é um local incrivelmente vasto e que certamente contém biliões de planetas de tamanho idêntico ao nosso; infelizmente não é fácil descobri-los, e por isso mesmo se celebra de cada vez que se descobrem mais alguns.

Contrariamente ao que acontece com as estrelas, cujo brilho pode ser facilmente detectado mesmo a milhões de anos luz, descobrir planetas de dimensão diminuta é uma tarefa bem mais complicada. Complicada, mas não impossível, como demonstra a descoberta de três planetas na constelação de Aquário, com tamanho idêntico ao da Terra e orbitando uma estrela vermelha anã (com períodos orbitais de 1.4 e 2.4 dias terrestres, enquanto que o terceiro tem dado um pouco mais de trabalho a determinar, podendo situar-se entre os 4.5 e os 73 dias).

Curiosamente, neste caso, mesmo estando a uns relativamente perto 40 anos luz de distância, trata-se de uma estrela que não é visível a olho nu - sendo demasiado pequena, fraca e vermelha. Ainda assim, a curta distância a que estes planetas estão da esta estrela torna complicada a potencial presença de vida como a conhecemos, embora os cientistas admitam que mesmo assim possam existir zonas específicas nestes planeta onde se possam encontrar condições que o permitam.

Mesmo que por lá existisse vida inteligente... já imaginaram o que seria qualquer tentativa de comunicação onde cada resposta demoraria 80 anos a regressar até nós?

1 comentário:

[pub]