2016/07/24

Cápsula da Apollo 11 foi digitalizada em 3D para todos a poderem explorar


A missão Apollo 11 representa um marco na História da Humanidade, e a sua cápsula foi digitalizada em 3D em alta-resolução para efeitos de preservação e também para permitir que todos a possam explorar.

O módulo de comando da Apollo 11 foi responsável por levar os astronautas até à lua e trazê-los de volta. Desde 1971 que permanecia praticamente intocada e protegida, mas o Smithsonian decidiu que estava na hora de disponibilizar esta relíquia da exploração espacial em maior detalhe e para todo o mundo.

A ideia era simples, a sua realização não. O processo de digitalizar em 3D o interior da cápsula depressa se revelou um desafio, pois existem inúmeras áreas que ficam escondidas de um scan 3D "normal", para além de existirem muitas superfícies reflectoras, que também complicam o processo. No total, foi necessário recorrer a sete métodos diferentes de digitalização, para conseguir registar para a posteridade todos os detalhes deste módulo de comando - e no processo foram descobertas algumas preciosidades, como coisas rabiscadas pelos astronautas durante a missão.

Para além do Command Module da Apollo 11 poder ser explorado em 3D na web, a NASA também disponibiliza modelos VR que podem ser vistos usando o Google Cardboard ou Gear VR, e até modelos que os fãs poderão imprimir em 3D.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]