2016/07/20

UMi London enfrenta queda de 30 metros de altura


Tal como tinha prometido na anterior ronda de testes de resistência, a UMi atirou o seu mais recente smartphone London de um edifício, para ver que tal ele resistia a uma queda de 30 metros de altura.

O facto de estarmos a oferecer um UMi London faz com que a nossa curiosidade sobre a resistência deste smartphone seja ainda mais elevada que o normal, e a grande pergunta desde o final do video anterior era: será que o London consegue mesmo resistir a uma queda de dezenas de metros de altura?

Foi isso que a UMi quis demonstrar e comprovar com o seguinte vídeo, mas que infelizmente volta a sofrer dos mesmos males que o vídeo anterior, como veremos já a seguir.


A UMi atirou um London de grande altura, e mesmo o facto de lhe ter colocado uma capa de protecção em nada minimizaria o feito de resistir a tal queda. O problema é que novamente voltamos a ter cortes na edição do vídeo que eliminam por completo os resultados que pretenderiam demonstrar.

Aliás, para complicar ainda mais a situação, um olhar mais atento entre o último frame captado na sequência da queda, e depois o que é mostrado 10 segundos mais tarde quando vão apanhar o smartphone (após o corte com a repetição em slow motion) demonstra que o smartphone nem sequer está na mesma posição:


Até pode ser que o UMi London funcional - embora com o vidro partido - seja mesmo aquele que vimos a cair dos 30 metros de altura, e que a sua movimentação tenha sido apenas devida a um erro nas filmagens, mas desta forma isso não pode ser garantido, pelo que lamentavelmente se trata de mais um vídeo em que a UMi não consegue demonstrar aquilo que se pretenderia.

Também este vídeo termina com um teaser de que se seguirá novo "teste de resistência"... mas, a seguir esta tendência, não será de esperar que aí nos seja mostrado algo de novo.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]