2016/11/01

Starbreeze compra Nozon para adicionar liberdade de movimentos aos filmes VR


A Starbreeze, criadora dos óculos Star VR que querem ser o IMAX da realidade virtual, comprou um estúdio de efeitos digitais que criou uma tecnologia que dá o salto dos vídeos 360º para vídeos realmente VR.

Já por várias vezes abordamos a questão dos vídeos a que agora se está a chamar "VR" são apenas vídeos 360º que nos dão a liberdade de olhar em qualquer direcção. É certo que já permite criar efeitos interessantes, mas é bastante limitado face à verdadeira realidade virtual, em que teríamos liberdade para nos mexermos e vermos as coisas de outra perspectiva.

Isso é algo que se faz nos jogos VR, onde um computador está a calcular as imagens em tempo real, mas mais difícil de fazer para conteúdos filmados. Só que é precisamente isso que faz o sistema PresenZ da Nozon, o estúdio Belga que agora foi comprado pela Starbreeze.

Com este sistema, a experiência de ver um filme em VR não será sinónimo de apenas podermos olhar em qualquer direcção, mas também podermos inclinar-nos para espreitar o que está por trás de uma pessoa ou objecto. Parece ser a junção perfeita da tecnologia de rendering em real-time com conteúdos pré-gravados. Ficamos a aguardar pela oportunidade de ver isto a funcionar!

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]