2017/12/10

Fatos dos astronautas poderão ter sistema de regresso autónomo à nave


As missões especiais complicam-se drasticamente sempre que há necessidade de um astronauta realizar operações fora da sua nova espacial, mas em breve poderão contar com mais um sistema de assistência que poderá evitar uma das mais temíveis situações possíveis: a de um astronauta ficar "perdido no espaço".

Um astronauta que saia para operações extra-veiculares terá um cabo de segurança que o prende à sua nave ou estação espacial, mas se por algum qualquer motivo esse cabo falhar (ou for necessário soltar-se dele) e o astronauta fica à deriva no espaço, o seu fato conta com um mini sistema de propulsão que permite ao astronauta ajustar a sua orientação e regressar.

Todos os astronautas têm obrigatoriamente que superar sessões de treino na utilização deste sistema, em situações progressivamente mais complicadas (inicialmente apenas estando a uma certa distância, nos níveis mais elevados em situações de rotação e desorientação superiores)... sendo que nesse treino lhes é dado apenas 80% do combustível disponível, para que numa eventual situação real ainda tivessem essa margem de manobra acrescida.

Mas... porquê depender apenas do astronauta? Investigadores estão a desenvolver um sistema de controlo autónomo que simplificaria a vida do astronauta, reduzindo a operação de regressar à nave ao pressionar de um botão, que de forma automática calcularia as manobras necessárias com a máxima precisão e se encarregaria de fazer tudo - com a vantagem de que este sistema poderia ser activado remotamente (ou até automaticamente) em caso do astronauta ter perdido a consciência.

Se imaginarmos que as missões planeadas para a próxima década, com o reinteresse de criar uma base na lua e da ida a Marte, vierem acompanhadas de um aumento progressivo da actividade extra-veicular dos astronautas, sem dúvida que um sistema deste tipo daria maior segurança a todos os que se vissem nessa situação - potencialmente abrindo também a possibilidade de até pessoas "sem treino" eventualmente poderem dar uns verdadeiros passeios espaciais... do lado de fora da nave. :)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]