2007/11/26

Scanner Médico 3D da Philips

Lembram-se de ver aqueles scans 3D do corpo humano feitos a bordo da Enterprise na série Star Trek? A Philips está a tornar isso realidade bem mais cedo do que se poderia imaginar.

Este novo scanner de Raios-X de 256 camadas permite visualizar o interior do corpo humano com uma nitidez nunca antes vista.

Para além disso, reduz a dose de radiação em mais de 80%, permitindo ser usado mais frequentemente e sem perigo.

Skull scan

Na imagem: Podem ver-se claramento os vasos sanguíneos no crâneo.

As imagens 3D podem ser rodadas e manipuladas pelos médicos, permitindo aos médicos um diagnóstico mais bem informado, principalmente quando se trata do coração ou de pequenos tumores cancerígenos que não eram visíveis anteriormente.

A máquinda da Philips Brilliance CT foi revelada ontem, no encontro anual da Radiological Society of North America em Chicago.

Scanners de tomografia computorizada são já uma realidade nos hospitais há vários anos. Mais recentemente, máquinas de 40 e 64 camadas têm sido usadas... e que ficam bem aquém desta nova de 256 camadas.

Estes scanners combinam as imagens de raios-X de forma a representar de forma realista a estrutura interna dos orgãos, permitindo a análise dos vasos sanguíneos e o estado das válvulas cardíacas.

Pelvis scan

Na imagem: um coágulo provoca um inchaço numa artéria na pélvis.

Esta nova geração de máquinas permite uma resolução incrível numa fracção do tempo necessário anteriormente.

Pacientes feridos podem fazer um scan de corpo inteiro em menos de 1 minuto. Esta operação demoraria horas se fosse feita com um scanner de primeira geração.

Ao fazer o scan, a Brilliance CT da Philips envia 256 impulsos a cada 3 décimos de segundo, cada um durando apenas alguns milésimos de segundo. Isto permite uma imagem nítida mesmo em orgãos em constante movimento, como é o caso do coração.


Heart scan

Steve Rusckowski, CEO da Philips Medical Systems, disse: "Este scanner é tão poderoso que consegue capturar uma imagem do coração em apenas dois batimentos cardíacos, ao mesmo tempo que reduz de forma significativa a dose de radiação."

De momento, apenas um hospital em todo o mundo tem este scanner - o centro médico Metro Health em Cleveland, Ohio – que tem recolhido imagens durante um mês.

A máquina teve uma dose adicional de publicidade quando a famosa apresentadora americana Oprah Winfrey emitiu imagens do seu próprio coração capturadas pela máquina.


Esperemos que em breve, todos os hospitais do mundo possam ter um scanner destes!

Via [DailyMail]

1 comentário:

  1. simplesmente incrivel, concerteza deve chegar ao Brasil antes de 2050! :/

    ResponderEliminar

[pub]