2011/04/19

Fundo para Aquisição Nikon P500

Eis que chegou a altura de actualizar a câmara oficial de reportagens e análises no Aberto até de Madrugada, a nossa bem conhecida Nikon P100 também adquirida num Fundo para Gadgets anterior, por um modelo mais recente.
Para o efeito, parece-me ser interessante compará-la com a sua congénere mais recente: a Nikon P500.


Apesar de ter considerado a compra de outra marca, para "variar" um pouco, confesso que me senti curioso para saber de que forma uma marca bem conhecida como a Nikon terá evoluído um dos seus modelos mais bem sucedidos - e saber que ponto fracos terão sido resolvidos; enquanto por outro lado a designação de super-zoom passa a ser ainda mais merecida, uma vez que passamos de um zoom de 24x na P100, para uns incríveis 36x nesta P500.


O objectivo a atingir são os 430€ (P500 + cartão SD de 16GB); e tal como aconteceu na primeira aquisição, o fundo será feito numa variante, uma vez que a câmara que será oferecida será a a P100 que tem estado ao serviço do AadM (e em perfeitas condições, nem será preciso dizê-lo), ficando esta P500 destinada a ser oferecida por altura da sua troca por outro modelo.


[Secção Actualizada - Ponto da situação]

[Fim da Secção]

Fundo Encerrado - Fica atento aos próximos fundos. :)

11 comentários:

  1. Boa noite, Carlos posso saber onde é feita a compra da maquina?
    obrigado

    ResponderEliminar
  2. Obrigado Carlos

    ResponderEliminar
  3. É o chamado pedinchar. Ja custa pagar esses teus luxos. Assim também eu.
    Não queres um jaguar oficial do AadM?

    ResponderEliminar
  4. E o choradinho constante para te oferecermos um iPad?
    Vai mas é trabalhar parasita

    ResponderEliminar
  5. Caro @Anónimo

    Felizmente não tenho falta de trabalho, obrigado pela preocupação.

    Quanto a estes "luxos" - como lhe chama - penso que deverá estar mal habituado se pensa que uma câmara de 400€ é um "luxo", ainda para mais quando é posteriormente oferecida aos meus leitores; como tem acontecido com todos os equipamentos que são adquirido via angariação no fundo de gadgets.

    Como sempre, ninguém é obrigado a contribuir.

    Quanto ao "choradinho constante", considerando que foi uma coisa a título excepcional e que durou apenas dois dias - e considerando que o blog existe há mais de 3 anos... parece-me um "pouquinho" exagerado usar esse termo.

    Quando muito, poderia ter a decência de assinar com o próprio nome - e também ter um mínimo de educação na forma como a mim se dirige, uma vez que não o conheço de lado nenhum.

    Mesmo assim, agradeço os seus dois comentários, que demonstram que afinal até sou digno de receber a honra da sua atenção e os momentos que passou a conceber tais comentários articulados que revelam a sua forma de ser.

    Quanto ao "parasita"? Parece-me ser mais apropriado a quem tem que deixar comentários anónimos deste tipo para se auto-satisfazer...

    ResponderEliminar
  6. @Anónimo, ninguém o/a obriga a ler o blog do Carlos.
    Não gosta do blog? Tem duas opções ou educadamente crítica e sugere como melhorar ou não lê o blog.

    ResponderEliminar
  7. Subscrevo completamente o comentário acima.
    Criticar é sempre fácil, ainda para mais sem se identificar.
    Quem não quer não vem ler nem participa, tão simples quanto isso...

    ResponderEliminar
  8. Antonio Luis Coelho21/4/11 12:17

    Viva

    Carlos

    Os cães ladram e a caravana passa... não ligues a mentecaptos falhados....

    Típico post de quem nunca fez nada por si, ou, sequer, pelos outros... e para quem a Net veio dar a hipócrita hipótese de criticar o trabalho e sucesso dos outros só porque sim, anonimamente, qual "herói" de quarto...

    Parafraseando: Vai mas é trabalhar!!! (e não voltes...)

    ResponderEliminar
  9. Boa Noite!
    Quando vai sair a analise da P500? se já saiu me desculpe, mas não encontrei. Grata, Fernanda

    ResponderEliminar
  10. @Fernanda
    Eu é que peço desculpa. Tem sido tal a carga de trabalho e gadgets para analisar que a análise à P500 tem sido adiada.
    Vou tentar conclui-la e terminá-la o mais rapidamente possível.

    ResponderEliminar

[pub]