2011/06/22

MicroSD 32GB Class 10 da Lexar


Se procuram um microSD de alta-velocidade para complementar o vosso novo Eee Pad Transformer - ou qualquer outro tablet ou smartphone que aceite microSDHC e necessite da velocidade extra - eis um negócio irresistível: este Lexar Micro SDHC de 32GB Class 10.

Para além de ser um cartão Class 10 (garantindo velocidades mínimas de 10MB/s em gravação), vem também com um mini leitor USB que permite uma mais rápida e fácil transferência de dados com um PC.

(Quando muito, podem também usá-lo como pen USB de 32GB ;)

Está actualmente disponível por 73€ na Amazon UK.

13 comentários:

  1. Mas pra q um cartao classe 10?!?! Pra usa-lo so como pen?!? Pra isso compra-se uma pen...
    Se numa DSLR pra gravar videos em fullhd basta um cartão class 6, ta tudo dito... so mesmo pra desperdiçar dinheiro...

    ResponderEliminar
  2. @Anónimo
    Para quê?
    Imaginando que o usas num tablet Android como o Transformer, onde podes ter jogos a ocupar algumas centenas de Megabytes, pode ser a diferença entre esperar alguns segundos para que uma App no cartão externos "abra", ou executá-la de forma quase instantânea.

    Como sempre, cada um saberá se o tempo perdido compensa ou não o investimento.

    Mesmo para transferir conteúdos multimédia, pode haver quem prefira não esperar os mais de 8 minutos que demorará a passar um ficheiro de 1GB para um cartão class 2 - quando o pode fazer em menos de 2 minutos.

    ResponderEliminar
  3. Mas achas q sim?!?! Acho q tas errado...
    Ja foi mais q provado, em qq tipo de smarthphone q é irrelevante usar um cartao de classe superior a 2 pq o I/O do hardware não atinge mais velocidade q o a velocidade I/O dos cartoes de classe 2... google it...
    A unica situação é qd se poe o cartão como usb host e ai sim, a classe do cartão já pode fazer diferença...

    ResponderEliminar
  4. @Anónimo
    Vai ser um teste que poderei fazer quando receber este cartão...
    Lá por os anteriores modelos de smartphones não darem uso à valocidade extra, não quer dizer que as novas gerações (tipo Galaxy S 2, ou tablets com Tegra 2) não o façam. A isso se chama evolução...

    ResponderEliminar
  5. Duvido q tenham alterado esse aspecto...
    Temos q pensar qd ha essas "transferencias" internas, a gravação/leitura no cartão de memoria, ha sempre o buffer da memoria interna que actua qd se efectua uma operação desse tipo, pois tem um acesso muito mais rapido.
    Temos q pensar q os smartphones são como pequenos computadores...
    É por estas e por outras q por ex num DSLR é fundamental a velocidade dum cartão, pois nao ha a tal memoria interna pra fazer de buffer...

    ResponderEliminar
  6. Como disse, nada como testar. Googlando por isso, há bastantes relatos de utilizadores que dizem ter passado de 4 para 8MB ao mudar de cartões... Agora é só ver se um de classe 10 num Transformer consegue chegar a velocidades superiores a 10MB/s.

    ResponderEliminar
  7. Eu comprei precisamente este cartão para o meu Galaxy S 2

    ResponderEliminar
  8. @BlogMan

    Consegues fazer um teste de velocidade, usando o SD Tools? (não sei se funciona no Galaxy S 2, para cartões externos)...

    ResponderEliminar
  9. Resultados do SD Tools

    Escrita: 8,8MB/s
    Leitura: 21,6MB/s

    ResponderEliminar
  10. Segundo teste deu estes resultados:

    Escrita: 10,8 MB/s
    Leitura: 21,3 MB/s

    Apesar de similar a velocidade de leitura nos dois testes, na escrita a diferença é bastante considerável

    ResponderEliminar
  11. Parece que fica provado que pelo menos a geração mais recente consegue tirar proveito dos cartões classe 10. :)

    ResponderEliminar
  12. E arranjar classe 6 desta capacidade? Ah pois é...
    E já agora, o meu dhd atinge 6MB/S com o cartão origem, e aumentando o buffer
    Mas está a MUITO bom preço. Eu arranjo 16 a metade + IVA

    ResponderEliminar
  13. Boas,
    Eu tenho um microsd sandisk 16gb classe 4 e consegui no sd tools 12.6 MB/s de escrita e 2.1MB/s de leitura...

    ResponderEliminar

[pub]