2013/07/24

Google Revela Novo Nexus 7, Android 4.3 e Chromecast


O Google já apresentou as suas novidades para a época de Verão (começam a ser demasiadas as semelhanças entre o mundo da tecnologia e o mundo da moda - e com os wearables a coisa vai tornar-se ainda mais complicada), e chega finalmente aquilo que há muito se aguardava, o novo Nexus 7 e o Android 4.3, assim como algo que não se estava à espera, o Chromecast.

Mas vamos por partes...



Novo Nexus 7

 O novo Nexus 7 resolve as principais críticas apontadas ao modelo original, como a ausência de uma câmara traseira, ao mesmo tempo que melhora tudo o resto - incluindo o design, sendo agora mais fino e leve. Para alêm das câmaras frontal e traseira, o Nexus 7 passa a usar  Snapdragon S4 Pro que é cerca de 80% mais rápido que o N7 original, e um GPU 4x mais potente (tendo prestações idênticas ao de um Nexus 4 - o que não sendo de "topo", acaba por ser mais que suficiente para uma utilização despreocupada do Android). A memória RAM também passa de 1 para 2GB, e em vez de 3G opcional passamos a ter 4G (igualmente opcional).


O ecrã do Nexus 7 serviu para definir a referência quando saiu, e agora volta a fazer o mesmo. O tamanho mantém-se nas 7" mas a resolução salta dos 1280x800 para os 1920x1200 (323ppi) que serão bem apreciados pelos utilizadores.  A nível sonoro também temos melhorias, passando da coluna monofónica para som estereofónico com virtual surround.


Os preços sofrem um ligeiro agravamento face aos modelos do ano passado, mas continuam em nível ultra-competitivos: o modelo base de 16GB situa-se nos $229; o de 32GB fica por $269; e o modelo com 4G/LTE estará disponível por $349.

(Seria bom se o Google finalmente se lembrasse que existem muitos países que gostariam de o poder comprar na Play Store - nomeadamente... Portugal!)




Android 4.3


A acompanhar a chegada do novo Nexus 7 temos o novo Android 4.3, que muitos já temiam ter ficado "esquecido" algures numa gaveta no Google.

Este Android 4.3 fica disponível a partir de hoje e irá chegar aos Nexus 4, 7, 10 e Galaxy Nexus - e deverá ser igualmente adoptado pelos restantes parceiros assim que possível. Não há grandes novidades visíveis, sendo que uma delas é a chegada de perfis de utilizador com restrições que permitirão criar contas para crianças com certas limitações (por exemplo, impedir acesso a conteúdos para adultos e fazer compras no Google Play). Permite também que se usem tablets em lojas, como catálogos electrónicos, sem receio que os clientes os usem indevidamente.

O Android 4.3 passa a suportar o Bluetooth Smart (low power), OpenGL ES 3.0, localização via WiFi em background, suporte para mais línguas, e muitos outros "detalhes" que foram melhorados ou resolvidos.



Google Chromecast

Na ofensiva de ataque às TVs, e depois de tentar cativar o mercado com as caixas Google TV, o Google repensa a estratégia e opta por um ataque diferente (e que me parece perigosamente ameaçador para os concorrentes - especialmente os que subestimarem este pequeno dongle).

Em vez de (mais uma) caixa, o Google propõe um pequeno Chromecast que mais parece uma pen USB que se encaixa directamente numa porta HDMI - de forma idêntica à de muitos media player Android que têm surgido nos últimos tempos.


Ao contrário desses media players, este Chromecast funciona exclusivamente via streaming da internet, sendo controlado a partir de um qualquer dispositivo mobile (não só Android como também iOS ou Windows Phone), ou a partir da web - de onde se torna possível enviar vídeos do YouTube para lá, assim como de Apps que esteja preparadas para tirar partido dele, como o Netflix, ou filmes comprados no Google Play, e muitos outros serviços que se seguirão em breve.


O grande trunfo é que este Chromecast fica disponível por um preço de apenas $35, que faz com que seja uma compra que nem sequer nos faz pensar duas vezes.

Suspeito que este pequeno Chromecast se irá tornar numa verdadeira revolução, ajudando a levar o YouTube (e demais conteúdos web) para a sala de estar - e dando assim ao Google aquilo que há muito pretendia mas que não encontrava forma de fazer.

Bastará quem uma App como o VLC passe a suportar este pequeno dongle para rapidamente se tornar numa das formas preferidas de ver conteúdos em qualquer televisor, e a este preço não se torna preocupante comprar dois ou três ou mais para espalhar por todos os ecrãs da casa. E a nível de potencialidades para o futuro, com streaming directo da net (por exemplo, poderia igualmente servir para fazer streaming de sites web ou qualquer outro tipo de conteúdos - como até remote desktops)... já dá para imaginar que o Google tem aqui grande trunfo que poderá obrigar os seus concorrentes a repensar a sua estratégia.


13 comentários:

  1. Gostei especialmente do Chromecast... é bom que chegue rápido a terras lusas para poder brincar com uma coisinha dessas. :-)

    ResponderEliminar
  2. Muito bom o preço do Chromecast! We have a winner!

    ResponderEliminar
  3. O Chromecast também me impressionou, será que vai aparecer "por aqui"?

    ResponderEliminar
  4. A Google está em grande nos vídeos publicitários. O do Nexus 7 está brutal.

    ResponderEliminar
  5. Humm se for possivel controlar o chromecast atraves do comando da televisao (Atraved do hdmi) e fazer stream de um disco de rede entao sim, temos vencedor.

    Quando ao nexus 7. Quando chegar às lojas a ver se o experimento ou se vou mesmo para um de 10.

    ResponderEliminar
  6. PlayStore de aparelhos para nós é que era. Sempre pensei que com as recentes introduções (Music e Books) teríamos também o Movies e porque não os devices.

    ResponderEliminar
  7. Espero que funcione tão bem como dizem. Se seim, lindo!! Há alguma data para que se possa comprar por cá? Ou com entregas em PT?

    ResponderEliminar
  8. Olha o Airplay da Google!

    ResponderEliminar
  9. Se o Chromecast funcionar com o Meo Go...

    ResponderEliminar
  10. Pena que não é apenas uma "pen" como aparenta. Tem que estar conectada a um fonte de energia, conforme está nas "letrinhas miúdas" na página do produto:
    "Subscriptions may be required to use with certain content providers. Chromecast is compatible with WiFi-enabled Android 2.3+ smartphones and tablets; iOS 6.0+ iPhones, iPads, and iPods; Chrome for Mac® and Chrome for Windows®; and Chromebook Pixel. Power cord required (not shown)."
    Mesmo assim eu acho um bom produto, bem mais flexível em termos de uso que uma Apple TV por exemplo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Necessita de energia, caso a TV não dê a necessária à pen através da USB.

      Eliminar
  11. Pelos que vejo o pessoal acha que ser for da Google é uma grande novidade!

    As meobox com o meoremote android/ios fazem isto com o youtube e outros já á uns aninhos.

    O xbmc faz isto com muitos websites de video.

    ResponderEliminar

[pub]