2014/09/25

Seek Thermal quer adicionar visão térmica a iPhones e Androids por $199


Há muito que venho a defender que os nossos versáteis smartphones já deveriam ter a capacidade para nos mostrar o mundo para além do que as câmaras convencionais conseguem ver - sendo que a visão térmica seria uma excelente forma de os tornar em ferramentas úteis para inúmeras situações. Agora, o Seek Thermal quer concretizar isso, com uma pequena câmara para iPhones e Androids.

Por muitos megapixeis que as câmaras digitais tenham acumulado ao longo destes últimos anos, pouco ou nada se tem feito no que diz respeito à visão térmica. As câmaras térmicas continuam a ser extremamente dispendiosas e fora do alcance do público, e embora tenham surgido alguns projectos de crowdfunding que prometiam destas câmaras a preço de saldo... a verdade é que ainda nenhum foi bem sucedido.

A coisa mais aproximada que tivemos foi a chegada do FLIR One, mas que a $350 e sendo feito especificamente para o iPhone, ainda não será a solução ideal. Agora, vamos ver se este Seek Thermal será finalmente aquilo que se esperava.

Trata-se de uma pequena câmara com ficha lightning e microUSB, que se poderá ligar a qualquer iPhone ou Android e dar-lhe a capacidade de ver o mundo invisível das temperaturas, e com um preço bem competitivo de apenas $199 dólares.


Agora só falta saber se desta vez é mesmo a sério e não se trata de mais um vaporware ou projecto fraudulento; sendo que desde logo há aspectos que também aconselham alguma cautela: como o facto de no seu site usarem imagens "ilustrativas" que nos mostram imagens e vídeos térmicos obtidos por câmaras com resolução superior bem mais dispendiosas. A câmara da Seek ficar-se-á por uns 206x156 pixeis... suficientes para algo deste valor, mas que não deitarão por terra qualquer ideia de imagens de elevada qualidade.

Espero bem que seja a sério... e vamos esperar que seja apenas o início de uma revolução nesta área, e que talvez num futuro não muito distante este tipo de tecnologia possa ter preços ainda mais baixos.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]