2015/01/23

Autonomia do Apple Watch fica-se pelas 2.5h em uso intensivo?


Vai-se aproximando a data do lançamento do Apple Watch, e começa finalmente a falar-se daquele que será provavelmente o aspecto mais crítico: a autonomia. E as notícias não são boas.

As únicas informações oficiais da Apple referiam que o Apple Watch deveria ser recarregado todas as noites, mas agora parecem finalmente surgir relatos de quem está ao corrente do processo de desenvolvimento e que revelam quais eram as intenções da Apple... que não terão sido cumpridas.

O projecto começou por definir como meta uma autonomia de 1 dia em utilização; mas posteriormente foi reduzido para apenas 2.5-4h de uso com apps. E diz-se que até o objectivo de aguentar até 4 dias em modo "sleep" terá passado para apenas metade. Ao que parece, isto será causada pela opção da Apple de usar um CPU (Apple S1) bastante potente - equivalente a um A5, que equipa o iPod Touch actual - assim como um ecrã de alta qualidade, e com o sistema a funcionar a 60fps para proporcionar a fluidez que habitualmente se associa aos produtos da marca. Para o sistema, a Apple recorre ao iOS numa versão "minimalista", com nome de código SkiHill.

Nos testes actuais, o Apple Watch tem-se aguentado por meras 2.5h com utilização intensiva, 3.5h com uso "normal", e 4h em modo de "fitness tracking". Mesmo em modo de funcionamento apenas como relógio, o Apple Watch apenas se aguenta por 3h com o ecrã sempre activado e a mostrar as animações



Nem sequer o sistema de recarregamento por indução parece estar a ter os resultados esperados, com tempos de carregamento mais demorados do que a Apple pretendia, mas sendo algo em que a equipa continua a trabalhar e que poderá conseguir resolver a tempo do seu lançamento oficial (que agora está previsto para Março).



Embora estes rumores refiram problemas bem credíveis e realistas, não posso deixar de pensar que poderá também tratar-se de uma forma de "manipulação" para baixar as expectativas e depois causar mais impacto quando anunciar um Apple Watch com uma autonomia bastante superior. É que não nos faltam exemplos de como a área da autonomia tem sido uma em que a Apple tem tido prestações de referência, conseguindo com que os seus iPhones, iPads, e MacBooks, tenham autonomias sempre superiores a produtos com hardware idêntico dos seus concorrentes.

Sabendo-se que actualmente temos smartwatches como o LG G Watch R, que se aguenta por mais de 3 dias com utilização despreocupada, não me parece que a Apple quisesse ficar atrás desse valor - mesmo considerando as diferenças de ecrã e CPU mais potente (mas onde potência não é impeditivo de eficiência.)

Seja como for, já sabemos bem quais são os riscos que acompanham um produto de primeira geração... pelo que, vamos esperar para ver - porque até lá as 2.5h de uso intensivo nada nos dizem (ora deixem qualquer smartphone com o Ingress aberto a tempo inteiro, e vejam a bateria a evaporar-se... O que me faz propor que a autonomia dos equipamentos deveria ser indicada a correr Ingress! :)

4 comentários:

  1. Hype. Falam dos produtos, a Apple isto e a Apple aquilo e depois lançam um produto bom e são os melhores porque contrariamente ao que se dizia eles conseguiram cumprir, mesmo que o produto final não seja nada do outro mundo. E mesmo que tenha algum problema vai ser top de vendas na mesma, já vimos isso acontecer anteriomente

    ResponderEliminar
  2. e se a gentinha do android que não tentasse mais uma vez denegrir os produtos da Apple, este relógio inteligente vai irradiar toda a concorrência quando for lançado, mas como é possível alguém poder lançar dúvidas patéticas sobre um produto da Apple?????
    dor de corno só pode...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha o nivel, jovem...
      e depois: Quem disse que ali é alguem "Android" a falar? Pode ser BlackBerry, pode ser WindowsPhone...
      Afinal, que "sector de adeptos é que está a demonstar "dor de corno"?
      E boa sorte com o seu novo iWatch.

      Eliminar
    2. Paula...és americana?

      É que a malta dos EUA é que é tão nacionalista ao ponto de morrerem pela Aple.

      Infelizmente, a partir da saída do novo Iphone, todas as pessoas que me dizem "quero comprar o iphone 6", considero-as informaticamente inválidas.

      Eliminar

[pub]