2015/08/02

Google amplia as possibilidades de beta testing no Google Play


À medida que as plataformas mobile se vão tornando cada vez mais importante, sobe também a responsabilidade para que as apps produzidas tenham a qualidade desejada. Nesse sentido, o Google vem dar resposta aos developers, com novas formas de beta testing para as suas apps.

Por muito que se gostasse de imaginar que o processo de criação de uma app fosse uma coisa simples, na realidade a coisa revela-se bem mais complexa e onde é essencial a cooperação de beta-testers que testem a app durante o seu desenvolvimento e detectem bugs e outros aspectos que deverão ser melhorados antes da app chegar ao público em geral.

Os developers já tinham a possibilidade de definir grupos de utilizadores para as versões alfa e beta das suas apps, distribuídas através do Google Play; mas agora passam a ter outras possibilidades que há muito eram pedidas.


Agora os developers passam a ter à sua disposição a possibilidade de criar apps em:
  • "open beta", permitindo que um número maior de utilizadores tenha acesso, através de um linke com um simples clique, à app (e com a possibilidade de limitar o número máximo de lugares disponíveis).
  • "closed beta" por emails - o developer pode distribuir um link para a app de testes, mas que estará apenas disponível para uma lista de emails pré-definidos (inseridos manualmente ou usando um ficheiro csv).
  • "closed beta" via Google Group ou comunidade no Google+ - que é a modalidade disponível actualmente.

Com estes métodos os developers passam a ter muito mais opções à sua disposição para o desenvolvimento das suas apps. Por exemplo, podem definir um grupo fechado, por emails, para fazer testes mais frequentes e "perigosos"; antes de os passar para um grupo maior, público, de beta testers.

... Ainda assim, não me parece que haja fim à vista para a constante inundação de actualizações que se recebem quase diariamente, e que invariavelmente nos chegam com a simples e (pouco) descritiva descrição de... "bug fixes".

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]