2018/01/18

Criadores do The Man From Earth colocam novo filme no Pirate Bay


Nem todos os produtores têm a mesma reacção a descobrirem o seu filme no The Pirate Bay - alguns até chegam ao ponto de serem eles próprios a partilhá-lo lá, como aconteceu com o novo filme dos criadores do The Man From Earth.

O The Man From Earth é um espectacular filme sci-fi com muito pouco sci-fi visual. O que temos é uma excelente história que nos coloca perante o caso de uma pessoa aparentemente normal ser afinal um homem imortal que por cá permanece desde o início dos tempos. É um filme independente de 2007 que ganhou popularidade precisamente à custa da "pirataria" na internet, e cujos criadores desde logo reconheceram - e agradeceram - por terem ajudado a dar ao filme uma visibilidade que foi para além de tudo o que imaginavam.

Uma década depois, temos a continuação do filme: Man From Earth: Holocene e desta vez eles nem sequer esperaram para verem alguém partilhar o seu filme no Pirate Bay... foram eles próprios que fizeram questão de colocar lá o seu filme, seguramente esperando que isso contribua para um sucesso idêntico (ou superior) ao do original.


Como eles muito bem referem, mesmo que não colocassem o filme no Pirate Bay seria apenas uma questão de tempo até que o seu novo filme lá surgisse, pelo que assim sempre ficam mais "bem vistos" e com muito mais moralidade para pedirem que, quem apreciar o filme, possa dar um salto ao seu site para deixar um donativo de qualquer valor que possa.

... E ao contrário do que acontece habitualmente com os filmes no cinema, não têm que pagar antecipadamente por algo que depois pode não ser aquilo que imaginavam! ;P


10 comentários:

  1. Fantástico, não conhecia nenhum, vou transferir os dois :D

    ResponderEliminar
  2. no piratebay está gratuito pra sacar, mas depois no youtube está com pré-order por 4.09€
    No youtube é que devia ser gratuito porque sempre podias ir buscar as receitas das vizualizações...
    Cheira a presente envenenado..já que ha paises que ja andam a enviar multas para casa dos que andam a sacar filmes via torrent..

    ResponderEliminar
  3. Em um filme de baixo orçamento isso é viável, mas nenhum filme mais elaborado pode fazer isso. Para esse filme a pirataria pode até elevar as receitas, mas é ponto fora da curva e nunca será regra. Tudo na vida tem custos e ninguém trabalha de graça.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos ver, vamos ver; o Neill Blomkamp está a por isso à prova, tentando escapar ao "círculo de Hollywood" com financiamento directo pelos fãs para produzir os seus filmes. Eu sou um dos que tenho contribuído e continuarei a contribuir...

      Eliminar
    2. De onde vem o dinheiro não apaga o facto do filme precisar deste para ser produzido. O que não tem lógica é alguém gastar milhões a fazer algo e as pessoas quererem que esse algo seja gratuito.

      Eliminar
  4. Eu dei 2 euros para a causa e também porque o primeiro é um dos filmes que mais gosto. Se não viram, devem.

    ResponderEliminar
  5. O 1 foi grande filme ! Quem estaria a contar com que um filme de low budget fosse tão bom .
    Nem estava a contar com o 2 filme ... Agora com o fim de semana a porta vai ser uma boa oportunidade para ver ☺

    ResponderEliminar
  6. Dei 20USD. 1 bilhete uma cola e umas pipocas... Achei um valor justo. Recebi um email de agradecimento :)

    ResponderEliminar

[pub]