2018/02/02

Google e 3M aderem a standard para stylus universais


A Google e 3M juntaram-se à Universal Stylus Initiative, que assim passa a ter mais peso para influenciar os fabricantes e promover a adopção de um sistema standard para os stylus.

Os ecrãs touch capacitivos vieram popularizar a interacção com os toques e fazendo com que a utilização de stylus fosse visto como "antiquada", mas a verdade é que continua a haver espaço no mundo moderno para os stylus - e que os digam os utilizadores de equipamentos como os Galaxy Note ou os iPad Pro com o Apple Pencil. O problema é que, quando se fala de stylus activos, não existe nenhum standard a governar a sua utilização, fazendo com que a maioria (todos?) sejam incompatíveis entre si. É aí que a Universal Stylus Initiative (USI) quer fazer a diferença.

A USI propõe a criação de um standard para os stylus que define a transmissão de dados como a pressão exercida, botões, acções de apagar, etc. de modo a que os consumidores ficassem assegurados de que qualquer stylus funcionaria em qualquer dispositivo (desde que seguissem esta norma, obviamente). Para isso é utilizado um sistema de comunicação bi-direccional entre o equipamento e o stylus, que já contempla a possibilidade de utilização de múltiplos stylus no mesmo ecrã (até 6 em simultâneo), com 4096 níveis de pressão e medição do seu posicionamento em 9 eixos.

Cada stylus pode memorizar diferentes parâmetros, pelo que se tornaria possível ter um stylus definido como sendo uma "caneta com tinta azul", e outro como sendo um "pincel com tinta vermelha", bastando ao utilizador pegar num ou noutro para imediatamente ver isso reflectido no ecrã sem necessidade de alternar manualmente entre estilos no ecrã do smartphone ou tablet.

Este grupo foi fundado em 2015 e já conta com mais de 30 empresas apoiantes (entre as quais a Intel, Wacom, Synaptics, Genius e Lenovo), mas a Google e a 3M são dois novos membros de peso que seguramente contribuirão para que standard se torne numa realidade junto dos consumidores - só falta a Microsoft, Samsung e Apple juntarem-se...

Um deste dias, em pleno século XXI, vamos ter "canetas" capazes de escrever em todos os ecrãs... finalmente ficando equiparados à tecnologia da caneta e papel! :)


3 comentários:

  1. A Apple nunca se vai juntar a isso como já se sabe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca se diz nunca... aderiu ao Qi para o carregamento wireless. :)

      Eliminar
  2. Eu queria muito um phablet com um stylus mas que não me obrigasse a vender os dois rins (e de ter de levar com as roms da Samsung)

    ResponderEliminar

[pub]