2018/03/28

Facebook adia lançamento de colunas inteligentes


Na mira das atenções devido às liberdades com o uso de dados dos utilizadores, o Facebook optou por adiar a apresentação e lançamento das colunas inteligentes com as quais iria competir com a Amazon e Google.

O Facebook está a atravessar uma fase complicada, onde utilizadores e reguladores fazem mais exigências para saber de que forma a empresa trata os dados privados, e facilmente se percebe que este não seria o momento ideal para tentar convencer o mercado que seria uma boa ideia meter uma coluna inteligente do Facebook em suas casas, dando ao Facebook a capacidade de saber ainda mais sobre eles.

Se por um lado se percebe o apetite do Facebook por esse sector, actualmente dominado pela Amazon - com uma família sempre crescente de Echos - e pela a Google, a sua planeada data de entrada neste mundo acaba por ser descarrilada devido ao escândalo Cambridge Analytica, que ainda irá dar muito que falar e cujas repercussões podem ser mais vastas do que se imagina (e de certa forma, acabam por acontecer num momento crítico, em que na Europa também está prestes a entrar em vigor a nova regulamentação de protecção de dados - GDPR).

Mesmo com as colunas da Amazon e Google são muitas vezes levantadas dúvidas sobre aquilo que estarão a escutar ou não, mas se actualmente o nível de confiança na Amazon e Google ainda permanece elevado (independentemente de ser merecido ou não), no caso do Facebook seria um autêntico suicídio esperar que os utilizadores adoptassem colunas suas, depois de se saberem todos os abusos que são cometidos, não só com os dados de cada utilizador, mas também com o de todos os seus amigos.

Entre as potenciais consequências deste caso com o Facebook e da GDPR, esperamos apenas que os utilizadores e cidadãos saiam mais protegidos e as empresas pensem duas vezes antes de tomarem demasiadas "liberdades" com os seus dados.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]