2018/07/28

Descoberto lago subterrâneo com água líquida em Marte


A comunidade científica tem razões para estar novamente em alvoroço, pois dados da sonda europeia Mars Express Orbiter detectaram algo que parece indicar a presença de um lago subterrâneo com água em estado líquido sob o pólo Sul marciano.

A descoberta de água em estado líquido em Marte seria um passo extremamente importante para aumentar a probabilidade da descoberta de vida em Marte, e de certa forma viria confirmar as muitas suspeitas já existentes de que tal pudesse acontecer. A sonda Mars Express Orbiter tem estado a sondar Marte desde 2003, e leva a bordo o MARSIS, um radar que identificou algo no subsolo marciano que os cientistas só conseguem explicar como sendo água em estado líquido - com elevado grau de salinidade para se manter em estado líquido em temperaturas abaixo de zero.


Manchas escuras nas crateras já anteriormente tinham feito suspeitar que se tratasse de água a escorrer no solo; e esta descoberta da Mars Express Orbiter vem praticamente garantir que será esse o caso, embora os cientistas tenham tentado todas as outras explicações possíveis... restando apenas a de que teria que ser água em estado líquido. Dados que no entanto terão que ser confirmados, e felizmente já temos uma sonda a caminho que poderá ajudar a fazê-lo.

O InSight da NASA, lançado em Maio, tem instrumentos que irão recolher dados sobre a temperatura no subsolo marciano, contribuindo com mais informação para saber se realmente será possível existir água em estado líquido que permaneça nesse estado ao longo de todo o ano marciano (em vez de apenas durante alguns meses por ano). No entanto, uma nova sonda com instrumentação mais sensível e moderna que a do Mars Express Orbiter seria igualmente bem vinda.

5 comentários:

  1. Como é que pode estar no estado líquido com temperaturas abaixo dos 50graus negativos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Duas circunstâncias devem contribuir para tal: a água está saturada com sal, o que diminui o seu ponto de fusão; e este ponto de fusão também diminui sob a pressão de um glaciar sobrejacente.

      No que toca a esta pressão, é um pouco como o conhecido Lago Vostok. É um lago subterrâneo de água líquida situado na Antártica, onde o senso comum nos diz que a água devia estar no estado sólido. Mas está no estado líquido, enterrado sobre uma camada de gelo.

      Mais informações aqui: https://en.wikipedia.org/wiki/Lake_Vostok
      Lagos subglaciais: https://en.wikipedia.org/wiki/Subglacial_lake

      Eliminar
    2. E já agora, mais informações sobre os lagos hipersalinos: https://en.wikipedia.org/wiki/Hypersaline_lake

      Eliminar
  2. Derivado ao alto teor de salinidade

    ResponderEliminar
  3. Torço pra que não seja mesmo água. Porque são os contribuintes que pagam essas descobertas todas mas se um dia for possível viver em Marte ou em outro planeta só os muito ricos poderão ir para lá... e a terra servirá apenas para eles continuarem a explorar até explodir!

    ResponderEliminar

[pub]