2019/03/02

Cabo submarino da Microsoft e Facebook é mais rápido do que se pensava


Acelerar a velocidade da internet entre os continentes pode ser mais fácil do que passar novos cabos submarinos, com uma simples actualização dos equipamentos que enviam os dados através das fibras ópticas.

O cabo submarino intercontinental MAREA - o cabo com maior capacidade da actualidade - pode afinal ser ainda mais rápido do que se esperava. Este cabo que liga Espanha aos EUA tinha uma capacidade máxima teórica de 160Tbps, mas uma experiência num dos oito pares de fibras ópticas contidos no cabo demonstrou ser possível atingir velocidades de 26.2Tbps usando modulação 16QAM.

Isto significa que, quando aplicado aos oito pares de fibras, o MAREA poderá atingir uma capacidade de quase 210Tbps, bastante superior à inicialmente prevista - e isto sem necessidade de qualquer alteração ao cabo com 6600 km de comprimento.

2 comentários:

  1. E porque é que sai quase de França, estando Portugal muito mais perto dos EUA?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porque o centro da europa está muito mais perto do norte de espanha. É mais fácil instalar o cabo no mar do que em terra. Se chegasse a portugal tinham de percorrer mais distância por terra.

      Eliminar

[pub]