2020/05/03

Tesla Model S prestes a obter autonomia oficial EPA de 643 km


Segundo Elon Musk, o Tesla Model S poderá estar prestes a obter a almejada autonomia de 400 milhas no teste EPA (634 km), e só não o fez ainda devido a um pequeno erro durante o teste.

Com mais de 600 km de autonomia, o Model S é um carro que já elimina por completo a chamada "ansiedade do carregamento" (tal como o Model 3 Long Range, com 560 km de autonomia WLTP anunciada), mas percebe-se o desejo da Tesla em arredondar a actual indicação de autonomia de 391 milhas para as 400+ milhas... e é algo que já poderia ter sido conseguido.

O problema é que durante o teste a EPA se terá esquecido do carro com a porta aberta e a chave no interior, o que fez com que o carro gastasse 2% da bateria que, se tivessem sido utilizados durante a condução, teriam permitido atingir a marca das 400 milhas.

Será necessário aguardar por uma nova ronda de testes da EPA no período pós-COVID-19, para reconfirmar se o Model S poderá obter essa autonomia oficial da EPA. Mas, como bem sabemos, a verdadeira autonomia será principalmente ditada pelo pé direito do condutor, já que muito mais facilmente do que atingir estes valores em condução real, será obter valores bastante inferiores (ao estilo dos consumos que são anunciados para os carros com motores a combustão).


Actualização: A EPA diz que não cometeu nenhum erro e que não deixou a porta aberta. Algo que a Tesla poderá seguramente esclarecer revelando publicamente os dados a que tem acesso sobre a utilização dos seus veículos.

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]