2022/04/10

Twitter recua na remoção de tweets apagados

O Twitter recuou nas suas intenções, e continuará a ser possível ver o conteúdo original de tweets eliminados inseridos em páginas.

Há alguns dias o Twitter anunciou uma decisão polémica, a de que iria deixar de apresentar o conteúdos dos tweets inseridos em páginas externas no caso do tweet original ter sido apagado. A medida era apresentada como sendo para proteger a intenção da eliminação do tweet, mas obviamente que não foi bem recebida.


Durante anos o Twitter tem combatido a integração de tweets feitas via "captura de ecrã", incentivando que os tweets sejam integrados em páginas externas usando o seu código "embed", para manterem as funcionalidades do tweet. Mas, com esta alteração, vinha dar razão a todos os que preferiam usar as capturas de ecrã, já que o desaparecimento de um tweet poderia remover todo o contexto de um artigo onde determinado tweet tivesse sido incluído. Algo que o Twitter parece ter percebido tardiamente, agora reconsiderando e dizendo que irá continuar a manter o conteúdos dos tweets inseridos em páginas, mesmo no caso do original ter sido eliminado - tal como acontecia até agora.

O problema da longevidade dos conteúdos na web não se limita ao Twitter. O chamado "link rot" ("apodrecimento de links") é um problema bem real, que faz com que muitas vezes se fique impossibilitado de aceder a conteúdos por causa de sites que já deixaram de existir, ou que foram remodelados e mudaram a estrutura dos links, ou por mil e um outros motivos. Projectos como Wayback Machine do Internet Archive são por isso essenciais, querendo manter um registo da web tal como ela era a cada momento, e permitindo recuar no tempo para aceder a conteúdos que entretanto deixaram de estar acessíveis.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]